Portimão tem temperaturas amenas e sol para treinos livres do GP de Portugal

O fim de semana do primeiro GP de Portugal do século começa com clima dos mais agradáveis. O sol brilha em um dia de temperaturas variando entre 15°C e 21°C

A sexta-feira (23) representa um dia especial: pela primeira vez no século, Portugal recebe uma atividade de Grande Prêmio da Fórmula 1. E, ao contrário, do que a natureza reservou para Nürburgring, com clima agradável: o sol brilha em um dia de frio relativo no autódromo de Portimão.

A manhã tem já 15°C, bem mais do que a F1 encontrou no GP de Eifel. A máxima do dia é de 21°C durante a tarde, o que está longe de representar um desafio em termos de calor para as equipes. Mesmo em Portugal, país tradicionalmente quente, pesa o já consolidado outono europeu.

Portimão tem céu azul para os treinos livres do GP de Portugal (Foto: Reprodução)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

ESPECIAL: As 91 vitórias de Lewis Hamilton na Fórmula 1

Em termos de chuva, a F1 também não tem muito com o que se preocupar. O sol fica parcialmente nublado na hora do almoço, entre o TL1 e o TL2, mas isso representa apenas 5% de risco de chuva, aponta o Weather Channel. Depois, com o céu voltando a ficar plenamente azul, tal possibilidade volta a ser nula.

O panorama é de um dia produtivo no Algarve, o que é uma excelente notícia para a F1. A única visita da categoria à pista foi para um teste de pré-temporada em 2009. As informações da época são irrelevantes agora, criando a necessidade de acumular tantas voltas quanto possível nesta sexta-feira.

Mesmo que alguém tenha problemas e não consiga aproveitar o TL1 ou o TL2, não é o fim do mundo. O sábado também será de sol, garantindo um TL3 ainda produtivo. A incerteza fica para o domingo, cuja tarde tem risco de chuva de até 60%.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube