Pouco mais de 0s1 atrás do melhor tempo, Hamilton não se ilude: “Vettel tem o carro mais rápido”

Piloto da McLaren foi o segundo mais rápido do dia, mas relatou dificuldades no segundo treino livre e reclamou do excesso de carros durante sua simulação de corrida

No primeiro treino livre em Abu Dhabi, nesta sexta-feira (02), Lewis Hamilton não teve dificuldade alguma e liderou com certa folga, mas o domínio do inglês não foi repetido na segunda sessão e ele acabou ficando atrás de Sebastian Vettel. Com o segundo tempo na soma das duas atividades, ele classificou o dia como interessante, apesar de relatar alguma dificuldade na parte da tarde.

“Foi um dia interessante. Andamos muito no primeiro treino, mas a segunda sessão foi um pouco mais difícil para mim. Está muito difícil conseguir um bom tempo. Tivemos um tempo bom comparando com os outros e parece que achamos quase 1s com os pneus macios, mas não fui capaz de melhorar muito”, explicou.

Lewis Hamilton fechou o dia com a segunda colocação no geral (Foto: Red Bull/Getty Images)

“Se conseguirmos a pole-position, então vai ser fantástico, mas não devemos ter esperanças. Sebastian [Vettel] tem o carro mais rápido”, continuou.

Hamilton também não ficou muito satisfeito por ter enfrentado tráfego durante suas voltas com tanque cheio. “Quando você está lá fora e, em seguida, nos stints longos, a cada minuto você pega tráfego e não pode completar seu trabalho”, reclamou.

“Isso torna as coisas um pouco entediantes, porque você acelera e, então, alguém está na frente de você. Foi muito, muito difícil conseguir algum espaço”, finalizou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube