F1
22/02/2018 07:52

Produtora de tabaco, Philip Morris revela que acordo de patrocínio com Ferrari foca em “promover um mundo livre de fumo”

Produtora de tabaco e seus derivados, a Philip Morris International revelou que o acordo de patrocínio com a Ferrari tem como objetivo “promover um mundo livre de fumo”. A multinacional produz o IQOS, um dispositivo que aquece o tabaco ao invés de queimá-lo
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Kimi Räikkönen (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

O novo acordo entre a Ferrari e a Philip Morris International é, no mínimo, curioso. De acordo com a empresa, dona da marca Marlboro, esta nova parceria “será exclusivamente focada em promover a causa de um mundo livre de fumo”.
 
A união entre Ferrari e a Philip Morris já tem mais de 40 anos, sendo que desde 1997 a Marlboro é a patrocinadora principal da equipe italiana depois que a empresa tabagista e a McLaren encerraram um acordo de longa data. No entanto, há dez anos a F1 não permite mais a divulgação de marcas de cigarro, fato que levou as equipes a buscarem outras fontes de renda.
Philip Morris quer usar parceria com a Ferrari para promover um mundo livre de fumo (Foto: AFP)

A marca de cigarros, aliás, também já patrocinou a BRM nos anos 70 e a Alfa Romeo nos anos 80.
 
Em um comunicado divulgado à imprensa, a Philip Morris disse querer ver “um mundo no qual todas as pessoas que de outra forma continuariam fumando a forma mais prejudicial de consumo de nicotina ― o cigarro ― mudem para alternativas cientificamente menos prejudiciais que são livres de fumo”.
 
O anúncio da Philip Morris é mais uma evidência de que a fabricante vai passar a promover a marca IQOS, um dispositivo que aquece o tabaco ao invés de queimá-lo, liberando um vapor com sabor.
 
“Nós queremos dar ao 1.1 bilhão de homens e mulheres que fumam no mundo a oportunidade de fazer escolhas melhores e informadas”, disse André Calantzopoulos, diretor-executivo da PMI. “Nós estamos comprometidos em usar todos os recursos disponíveis, incluindo nossas atividades relacionadas ao esporte a motor, para acelerar o momento em torno dessa revolucionária mudança pelo beneficio das pessoas que fumam, da saúde pública e da sociedade como um todo. Nós apreciamos profundamente o apoio da Ferrari nesta causa”, seguiu.
 
“A Scuderia Ferrari é a parceira perfeita para esta mudança, pois aproveita um espírito pioneiro, tecnologia e inovação em uma busca implacável por grandes ambições. Nosso plano não prevê nenhuma comunicação especifica do produto. Nós esperamos anunciar mais detalhes nos próximos meses”, completou.
 
No mês passado, quando a Ducati, também patrocinada pela Philip Morris, exibiu uma moto com uma maior presença da cor cinza, a imprensa internacional passou a especular uma troca entre Marlboro e IQOS. A declaração de Calantzopoulos é um indício de que isso pode também acontecer na MotoGP.