Racing Point encontra novo patrocinador-máster, e carro em tons de rosa tem futuro incerto, revela site

Os dias de carro rosa da Racing Point se aproximam do fim. Isso porque, de acordo com o ‘Race Fans’, a equipe tem como novo patrocinador-máster o site de apostas SportPesa. Não se sabe se a BWT, responsável pelas cores chamativas, segue parceira em 2019

A já marcante pintura rosácea da Force India, utilizada nas temporadas 2017 e 2018, está próxima de ser abandonada em 2019. Agora competindo sob o nome de Racing Point, a escuderia assinou um acordo de patrocínio-máster com o site de apostas SportPesa, revelou o site ‘Race Fans’.
 
A situação indica que a BWT, companhia de tratamento hídrico, perde espaço na Racing Point. A companhia austríaca manifestou interesse em renovar contrato de patrocínio, mas ainda é incerto se isso de fato vai acontecer, assim como qual seria o formato do novo acordo.
 
De acordo com o ‘Race Fans’, a SportPesa vai pagar US$ 8 milhões – ou R$ 30 milhões – pelo patrocínio ao longo de 2019. O valor sobe automaticamente para US$ 10 milhões – R$ 38 milhões – em 2020. Existe ainda a opção de renovação automática para 2021, quando o valor chegaria a US$ 12 milhões – R$ 46 milhões. Mesmo assim, os valores ficam abaixo dos que a antiga Force India recebeu da BWT em 2017, estipulados entre US$ 15 e 20 milhões, R$ 47 e R$ 63 milhões usando o câmbio da época.
Sergio Pérez e a marcante pintura rosa da Force India (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

A SportPesa é uma companhia queniana de apostas. Fundada no país africano, a empresa hoje opera também no Reino Unido, mercado com forte vínculo com a Fórmula 1.
 
A troca iminente de patrocinador é um novo passo no processo de ruptura entre a velha Force India e a nova Racing Point. Agora comandada por Lawrence Stroll, pai de Lance, a equipe já acenava com a possível mudança de layout do carro – não somente por questões de patrocínio, mas também para ter uma nova identidade.
 
O novo carro da Racing Point tem lançamento marcado para 13 de fevereiro. A temporada 2019 da F1 começa, por sua vez, em 17 de março, data do GP da Austrália.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube