Räikkönen revela estranheza por ver Fórmula 1 “voltar a correr nessas condições”

Kimi Räikkönen considerou que será importante evitar erros na curta temporada 2020. Por enquanto, a Fórmula 1 confirmou apenas oito corridas para este ano

Kimi Räikkönen reconheceu que é estranho voltar a competir com uma série de restrições sanitárias em vigor. A Fórmula 1 inicia a temporada 2020 neste fim de semana, na Áustria, mas ainda praticando distanciamento social, fazendo uso de equipamentos de proteção pessoal e, principalmente, sem a presença do público.

A F1 teve o início da temporada frustrado em março, na Austrália, por conta da pandemia do novo coronavírus. Agora, com a COVID-19 mais bem controlada na Europa, o campeonato vai, enfim, iniciar as atividades.

Kimi Räikkönen fechou 2019 com 43 pontos (Foto: Alfa Romeo)
Paddockast #67 | Barrichello melhor que Schumacher?
Ouça também: PODCASTS APPLE | ANDROID | PLAYERFM

Ao longo de cerca de quatro meses de paralisação, Räikkönen passou bastante tempo no kart, além de se dedicar aos filhos Robin e Rianna.

“Me sinto um pouco estranho de voltar a correr nessas condições, mas tenho certeza de que, uma vez que estivermos no carro, não vamos focar nas restrições, apenas em fazer o melhor trabalho que pudermos”, disse Räikkönen. “A pausa foi uma chance de passar tempo com a minha família, mas agora nós temos de focar no trabalho”, seguiu.

Com apenas oito corridas confirmadas para 2020, o finlandês ressaltou a importância de evitar erros.

“Com tantas corridas em tão pouco tempo, nós precisamos tirar o máximo de cada evento e pontuar todas as vezes que tivermos a chance”, ponderou. “É difícil dizer onde todo mundo está, mas nós logo vamos descobrir”, encerrou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO? Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.
Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.
Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube