Red Bull adianta desenvolvimento do novo carro e muda filosofia para tentar vencer já no primeiro GP de 2018

Para tentar acompanhar Mercedes e Ferrari, Red Bull muda estratégia de desenvolvimento do novo carro e quer vencer logo de cara em 2018. "Se o motor não apresentar falhas de confiabilidade, vamos poder lutar com os líderes desde a primeira corrida da temporada", disse Helmut Marko

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

A Red Bull decidiu mudar de estratégia para 2018. E pretende iniciar o campeonato de maneira muito mais forte para brigar pela vitória desde a primeira corrida, em Melbourne, na Austrália. Embora tenha se mostrado satisfeito com a forma como a equipe fechou a temporada deste ano, o consultor Helmut Marko insiste que o time austríaco precisa superar Mercedes e Ferrari já no primeiro domingo do novo campeonato.

 
Tradicionalmente, a Red Bull sofre um pouco mais na primeira metade da temporada, mas revela enorme capacidade de desenvolvimento ao longo do ano para voltar mais competitiva na segunda fase do Mundial. Agora, Marko disse que é hora de mudar esse protocolo.
Red Bull quer repetir essa cena logo de cara em 2018 (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

"Nós percebemos que há uma tendência de somarmos mais pontos na segunda metade da temporada. Durante muitos anos, a filosofia de Adrian Newey era de apresentar o carro o mais tarde possível, mas para o próximo ano decidimos mudar essa tática", revelou Marko em declaração à TV Servus.

 
"Agora estamos duas semanas adiantados na comparação ao ano passado", contou o austríaco, responsável também pelo programa de jovens pilotos da marca das bebidas energéticas. "Se o motor não apresentar falhas de confiabilidade, vamos poder lutar com os líderes desde a primeira corrida da temporada", completou.
 
A Red Bull fechou o campeonato de 2017 com a terceira colocação, 300 pontos atrás da campeã Mercedes. Os austríacos ainda venceram três vezes, no Azerbaijão, com Daniel Ricciardo, e na Malásia e no México, com Max Verstappen.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube