Red Bull destaca mecânicos e reação de Verstappen na Hungria: “Ele se redimiu”

Christian Horner brincou com a batida de Max Verstappen antes da largada. Chefe de equipe valorizou o intenso trabalho dos mecânicos da Red Bull, que pulou para segundo no Mundial de Construtores

A Red Bull somou pontos suficientes na Hungria, neste domingo (19), para alcançar a segunda posição no Mundial de Construtores, mas sem antes passar por um drama minutos antes da largada. Na volta em que levou o carro ao grid, Max Verstappen acabou escapando e acertou a barreira de pneus, quebrando a asa dianteira e danificando a suspensão.

Em entrevista após a corrida à Sky Sports, o chefe de equipe Christian Horner falou sobre os momentos de correria para consertar o carro do holandês a tempo. Verstappen ficou com a segunda posição após largar de sétimo.

“Max se redimiu. Na volta para o grid com intermediários, fez o melhor dele para escapar da pista, escapou três vezes, e aí de forma quase terminal. Ele estava indo para os boxes porque pensou que estava tudo acabado, mas conseguimos ver pela televisão que era o eixo do amortecedor, então foi para o grid”, declarou.

Max Verstappen bateu no caminho para o grid (Foto: Reprodução/F1 TV)

O chefe de equipe também destacou que os mecânicos merecem muito crédito pelo segundo pódio do holandês na temporada, já que a troca dos elementos danificados demoraria em torno de 90 minutos em um contexto normal.

“Os mecânicos fizeram um trabalho incrível. Gastaram 20 minutos em algo que demoraria uma hora e meia. Ele deve o resultado a eles hoje, teve muita sorte, acho que consertamos com 25 segundos para a volta de apresentação, foi quando a roda entrou”, completou.

O mandatário também aproveitou para elogiar o desempenho de Alexander Albon. O anglo-tailandês largou em 13º e fechou a prova na 5ª posição. A Red Bull soma 55 pontos no Mundial de Construtores, 15 a mais que as rivais McLaren e Racing Point.

“Alex fez um grande trabalho, ultrapassou quando foi preciso. Eu acredito que ele tem muito mais potencial que não mostrou ainda. O carro é difícil no atual momento, mas ele e Max têm as habilidades para contornar estes problemas”, concluiu Horner.

Neste domingo, o Briefing entra ao vivo às 13h (Brasília, GMT -3). No pós-corrida do GP da Hungria de F1, Victor Martins, Evelyn Guimarães e Felipe Noronha analisam a disputa em Hungaroring e trazem as últimas informações da terceira etapa do Mundial 2020. Inscreva-se no canal do GRANDE PRÊMIO no YouTube e ative as notificações.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube