F1

Red Bull vê Mercedes favorita, mas diz que 2020 “deve ser nosso ano”

Consultor da Red Bull, Helmut Marko avaliou que 2020 deve ser o ano do time dos energéticos. Dirigente apostou na maturidade de Max Verstappen e no trabalho da Honda

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
Consultor da Red Bull, Helmut Marko mostrou confiança nas chances do time dos energéticos para 2020. Mesmo vendo a Mercedes ainda favorita ao título da Fórmula 1, o dirigente apostou num bom desempenho dos austríacos.
 
Max Verstappen fechou a temporada 2019 na terceira colocação do Mundial de Pilotos, atrás apenas de Lewis Hamilton e Valtteri Bottas. A Red Bull, por sua vez, ficou com o terceiro posto na disputa de Construtores, perdendo para Mercedes e Ferrari.
Helmut Marko (Foto: Xavi Bonilla/Grande Prêmio)
Paddockast # 44
RETROSPECTIVA 2019: MUITO QUE BEM, MUITO QUE MAL


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

“É claro que a Mercedes é a favorita, mas acho que 2020 deve ser o nosso ano”, disse Marko à publicação holandesa ‘Formule 1’. 
 
Na visão de Marko, além de Verstappen agora estar pronto para lutar pelo campeonato na F1, a Honda também tem cumprido suas promessas. 
 
“Foi uma temporada muito madura para Max. Foi o Max mais maduro que nós já vimos”, comentou Marko. “Nós também sabemos o que podemos esperar da Honda. Até aqui, eles nos entregaram o que prometeram”, concluiu.
 

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.