Ricciardo admite problemas para manter motivação em temporada “nada fácil” e diz: “Estava focado em brigar pelo título”

Daniel Ricciardo vai tendo um ano muito complicado. O australiano, após sonhar em brigar pelo título, não tem bom carro e raramente passa do sexto lugar, tendo problemas para conseguir se manter motivado o tempo inteiro

Daniel Ricciardo confessou que a temporada 2015 não está sendo como imaginava. Por estar longe de brigar por vitórias e, consequentemente, pelo título, o australiano admitiu que manter-se motivado é um desafio.
 
Ricciardo contou que entrou na temporada 2015 com a expectativa de brigar pelo caneco, motivado pelo ótimo desempenho em 2014.
 
“Não está sendo nada fácil, sinceramente. Cheguei nesta temporada em alta pelo que fiz ano passado e estava pronto para brigar pelo título, mentalmente estava focado nisso”, disse.
 
O sempre sorridente piloto explicou que, apesar do início nada animador, ainda mantinha esperanças de que o carro teria melhoras. Não aconteceu.
 
“Mesmo após as primeiras corridas eu seguia achando que ia melhorar, que ia me recuperar. E, antes da Hungria, em momento algum o carro havia nos dado qualquer tipo de esperança”, falou.
Daniel Ricciardo não tem carro para brigar por título em 2015 (Foto: Beto Issa)
O maior desafio que Ricciardo vem encontrando em 2015 é, segundo ele mesmo, manter a motivação mesmo com tantas frustrações.
 
“Então, não é fácil manter a motivação alta mesmo brigando quase sempre pelo sexto lugar. É importante estar sempre focado, eu sigo motivado, mas não tenho como esconder que brigando por vitórias era muito mais fácil”, afirmou.
 
O australiano completou dizendo que, se o carro é para sexto lugar, então que o sexto lugar seja sua meta.
 
“Obviamente, eu tive alguns momentos de muita frustração neste ano. Mas eu não posso deixar o emocional tomar conta, se o carro é suficiente apenas para o sexto lugar, então eu preciso pensar em ser o sexto”, completou.
 
Ricciardo ocupa a sétima colocação no Mundial de Pilotos. O australiano está atrás das Mercedes, das Ferrari e das Williams.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube