F1

Ricciardo diz que vai tentar ganhar “mais que nunca” GP da Austrália: “Ser um caçador dará oportunidades”

Daniel Ricciardo nunca venceu em Melbourne e, pela Renault, terá caminho mais difícil do que se estivesse em uma das três equipes mais fortes do grid. Mas isso, claro, é teórico: e o “dono da casa” acha que pode, sim, quebrar esse tabu
Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
Daniel Ricciardo não está mais num dos carros que costuma dominar o grid da F1 - mas, nem por isso, tira a ideia de vitória da cabeça. Para o GP da Austrália, onde nunca venceu, não descarta essa possibilidade, mesmo que agora pilote um carro da Renault. 

Na entrevista coletiva dos pilotos em Melbourne nesta quinta-feira (14), foi questionado sobre suas chances e se manteve otimista, até certo ponto, já que não pode afirmar com certeza em que posição sua equipe está em relação às rivais.

"Provavelmente precisarei de ajuda dos outros", disse ele, em referência ao fato de que só pela força do carro dificilmente conseguirá ficar à frente do restante.
Lewis Hamilton e Daniel Ricciardo (Foto: AFP)
"Há possibilidades de ultrapassagem, somos muito otimistas. Ser um caçador vai nos dar oportunidades. Tentarei ganhar mais que nunca, com certeza", seguiu.

"Tenho vontade de subir no carro e de conhecer nossa posição. Não estou seguro sobre o quão perto está a Renault das outras três equipes", completou, sobre o que separa os franceses de Ferrari, Mercedes e Red Bull.

GRANDE PRÊMIO segue todas as atividades do fim de semana do GP da Austrália de F1. Acompanhe tudo aqui.