Ricciardo festeja por ver Red Bull à frente da Ferrari na Hungria: “Mais ou menos onde esperávamos estar”

Daniel Ricciardo terminou quase 0s6 atrás do tempo de Nico Rosberg no segundo treino livre do GP da Hungria, na tarde desta sexta-feira (22). O australiano colocou a Red Bull quase 0s4 à frente da Ferrari de Sebastian Vettel e ficou satisfeito com o rendimento do RB12, sobretudo com pneus macios

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

O primeiro dia de atividades de pista do fim de semana do GP da Hungria confirmou as expectativas em termos de ordem de forças na pista. A Mercedes sobrou perante as rivais, sobretudo pela manhã, quando Lewis Hamilton enfiou 1s6 na Ferrari de Kimi Räikkönen. Durante a tarde, a Red Bull mostrou sua força e conseguiu diminuir bem o abismo que separava o time prateado dos demais e colocou Daniel Ricciardo atrás somente de Rosberg nesta sexta-feira (22).
 
A diferença de Nico para Ricciardo, que registrou 1min21s030 depois de completar 36 voltas, foi de 0s595. Hamilton, por sua vez, não conseguiu se colocar na frente em razão de uma batida no terço inicial do segundo treino livre, ficando em quinto lugar. 

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Ricciardo ficou bem satisfeito por ver a Red Bull melhor que a Ferrari nesta sexta-feira (Foto: Getty Images)
Mas na disputa entre Red Bull e Ferrari, no fim das contas, os taurinos levaram a melhor, com Ricciardo superando o melhor dos carros vermelhos, de Sebastian Vettel, por quase 0s4.
 
Ricciardo ficou bem satisfeito com o que viu na pista nesta sexta-feira, sobretudo com o rendimento do RB12 com os pneus macios. “Nós parecemos estar muito bem. Gostaríamos de estar um pouco mais próximos da Mercedes, mas fomos os segundos mais rápidos, um pouco mais rápidos que a Ferrari e mais ou menos onde nós esperávamos estar.”
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

A perspectiva da Red Bull para sábado é manter o atual cenário e continuar à frente do time de Vettel e Kimi Räikkönen. “Se pudermos nos manter à frente da Ferrari seria lindo”, destacou o piloto oceânico, que reiterou que a meta da Red Bull é alcançar o pódio na Hungria. "Este é definitivamente o objetivo e espero que esta seja a minha hora", complementou. 

 
“Gostaria de dizer que a diferença para a Mercedes é real. Os pneus supermacios não funcionaram tão bem, mas com os macios foi tudo um pouco melhor”, finalizou o australiano, que já venceu em Hungaroring na temporada 2014.
PADDOCK GP #38 VAI A PIRACICABA PARA LANÇAMENTO DA F-INTER

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube