Ricciardo vê Renault como zebra na briga por 3° lugar entre Construtores: “Mas ainda dá”

Daniel Ricciardo ainda crê que a Renault possa virar o jogo contra McLaren e Racing Point na briga pela terceira colocação no Mundial de Construtores

Após o GP da Emília-Romanha, a Renault assumiu a terceira colocação no Mundial de Construtores, em arrancada que já indicava uma mudança de rumo quando a chegada de Fernando Alonso se concretizar, em 2021. Mas, em Istambul, no último final de semana, apenas um ponto foi conquistado, com Daniel Ricciardo – e a queda foi brusca, para quinto.

Assim, o próprio australiano já vê a Renault em dificuldades para recuperar o posto sonhado: ficar atrás só de Mercedes e Red Bull entre os Construtores.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Daniel Ricciardo (Foto: Renault)

No momento, a equipe francesa tem 136 pontos, contra 149 da McLaren e 154 da Racing Point – que retomou o terceiro posto com o pódio de Sergio Pérez na Turquia.

“Com certeza agora somos a zebra, mas ainda dá”, disse Ricciardo. “Ainda vamos disputar três corridas, se só faltassem uma ou duas eu estaria mais pessimista, mas ainda podemos conseguir.”

“Foi uma pena essa mudança na Turquia. Ainda dói, não podemos negar. Mas com três corridas por vir ainda podemos virar o jogo. As corridas serão no seco, mas ainda podem acontecer algumas coisas. O Bahrein tem uma curva 1 apertada, talvez Sergio [Pérez] e Lance [Stroll] se toquem! Vamos ver!”, brincou, por fim, Ricciardo.

Fórmula 1 volta a acelerar no último fim de semana de novembro com a disputa do GP do Bahrein, em Sakhir, válido pela 15ª etapa e antepenúltima etapa da temporada 2020 do Mundial.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube