F1

Sainz valoriza 150 voltas em primeiro teste de McLaren e traça meta para fim de ano: trabalho duro e diversão

Carlos Sainz Jr. se sentiu em casa desde o primeiro momento na McLaren e espera um mês de dezembro de bastante trabalho com a equipe, mas também de diversão
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Carlos Sainz Jr. faz a estreia na McLaren (Foto: Reprodução/Twitter)
Carlos Sainz Jr vai correr de McLaren na próxima temporada. E, com liberação da Renault, o espanhol já conseguiu fazer sua estreia nos testes coletivos em Abu Dhabi. O espanhol contou que se sentiu bem integrado ao time desde o início e espera um dezembro de trabalho duro com o desenvolvimento para 2019, mas de integração com os novos colegas.
 
O espanhol valorizou a alta quilometragem adquirida no seu dia de teste e já garantiu que vai ter bastante material para estudar sobre a McLaren para 2019.
 
"Foi a corrida acabar em Abu Dhabi para focarmos totalmente em 2019. Comecei a aprender os nomes do pessoal, como funciona o carro, o sistema todo e também comecei a criar intimidade com os engenheiros, tudo correu bem, como planejado. Graças ao fato de termos dado 150 voltas, posso ir para o inverno com muito para analisar", disse.
Carlos Sainz Jr. fez a estreia na McLaren (Foto: Reprodução/Twitter)
Sainz voltou a dizer que estava se sentindo em casa com a equipe desde o primeiro contato e explicou que ter testado depois de Lando Norris também foi útil.
 
"Parecia que eu estava em casa desde o momento que entrei para o time. Tudo foi muito, muito bom. Não posso reclamar, foram bons dias e agradeço mecânicos e engenheiros que fizeram eu me sentir em casa. Foi bom acompanhar o Lando testando no primeiro dia, vi como a equipe trabalha e, no dia seguinte, consegui ajudar com minhas impressões para o ano que vem", seguiu.
 
Só que nem só de trabalho duro vai ser o mês do jovem piloto, que afirmou que o time de Woking já planeja atividades de integração.
 
"Vou para casa na metade de dezembro, aí farei uma pausa para Natal e Ano Novo. Até lá, ainda terei um trabalho duro a fazer, mas também diversão na fábrica. Estamos planejando algumas corridas de kart com os mecânicos e coisas do tipo para nos conhecermos", completou.