Sauber anuncia reforço e contrata ex-Ferrari Jan Monchaux como novo chefe de aerodinâmica com efeito imediato

O franco-germânico Jan Monchaux tem uma longa carreira no automobilismo. Com passagens pela Toyota e pela Ferrari na F1, o aerodinamicista estava desde janeiro de 2013 na Audi Sport. Agora, o engenheiro formado em Toulouse volta à F1 como novo chefe de aerodinâmica da Sauber

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Pouco a pouco, a Sauber se reforça para tornar-se novamente uma equipe competitiva na F1. A nova aquisição da equipe de Hinwil vai atuar como chefe de aerodinâmica com efeito imediato. Jan Monchaux, engenheiro formado na Escola Nacional Superior de Aeronáutica de Toulouse e com larga experiência no esporte a motor, foi anunciado nesta terça-feira (3) como novo contratado da escuderia.

 
Monchaux vai trabalhar diretamente com um velho conhecido, Jörg Zander, diretor-técnico da Sauber e oriundo da Audi. O franco-germânico atuou estava desde o começo de 2013 na montadora de Ingolstadt como chefe de aerodinâmica, atuando diretamente no desenvolvimento da marca no Mundial de Endurance.
Jan Monchaux (de branco) é o novo reforço da Sauber para a temporada 2018 (Foto: Audi Sport)
O engenheiro volta à F1 após seis anos. Sua passagem mais longa por uma equipe da categoria durou entre 2002 e 2009, quando atuou como líder de aerodinâmica na Toyota, focando seus trabalhos na antiga base da equipe em Colônia, na Alemanha. 
 
Entre janeiro de 2010 e dezembro de 2012, Monchaux trabalhou na Ferrari, também como um dos líderes do departamento de aerodinâmica da escuderia de Maranello. De lá, foi para a Audi, onde estava até ter anunciada sua transferência para a Sauber nesta semana.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Responsável pelo departamento técnico da escuderia suíça, Zander deu as boas-vindas ao novo contratado e velho conhecido. “Estou muito ansioso pela chegada de Jan Monchaux como novo chefe de aerodinâmica. Isso marca um passo importante de um projeto mais amplo, que tem como objetivo reforçar a equipe Sauber ao alinhá-la com as metas e os resultados que queremos alcançar nas pistas”, declarou o alemão.

 
A reestruturação da Sauber começou com a aquisição da equipe pelo grupo Longbow Finance, liderado pelo executivo Pascal Picci. A saída da então chefa Monisha Kaltenborn deu lugar ao experiente Frédéric Vasseur, um dos artífices da chegada de novos integrantes ao time de Hinwil nos últimos meses, que tem a Alfa Romeo como nova parceira na F1.
"RIDÍCULO E LEVIANO"

AJUDA DELIBERADA DA HAAS À FERRARI? NÃO FAZ SENTIDO ALGUM

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube