Schumacher supera Barrichello, quebra recorde e alcança maior número de voltas completadas na F1

Além de ser absoluto em títulos, vitórias, poles, pontos conquistados, pódios e voltas na liderança, Michael Schumacher chegou a 16.644 voltas completadas na história da F1, superando Rubens Barrichello por 13 giros

Ainda que esteja deixando a F1 sem ter sido o mesmo dos tempos de Benetton e Ferrari, Michael Schumacher acumulou mais um recorde em sua carreira. Mesmo tendo abandonado o GP da Índia, o heptacampeão mundial chegou à histórica marca de 16.644 voltas completadas em um total de 304 GPs disputados, recorde absoluto na F1. Schumacher, desta forma, ultrapassa Rubens Barrichello, que era o detentor do recorde anterior, com 16.631.

Durante o GP da Índia, Schumacher acumulou mais um recorde em sua carreira na F1 (Foto: Mercedes)

Este é apenas um dos inúmeros recordes de Schumacher em 19 temporadas na F1. O mais importante, obviamente, é o de títulos mundiais. Michael é o maior vencedor da história da categoria, com sete campeonatos (1994, 1995, 2000, 2001, 2002, 2003 e 2004). O alemão, hoje com 43 anos, também é recordista em número de vitórias (91), poles (68), voltas mais rápidas (77), pontos conquistados (1.560) e voltas na liderança (5.111), entre outros de menor expressão.

Barrichello, piloto que mais largadas possui na história da F1 — 323 GPs —, possui outros dois recordes relevantes. Além de ter sido o competidor que mais correu na categoria, o brasileiro possui a maior quilometragem da F1. Entre o GP da África do Sul de 1993 e o GP do Brasil de 2011, Rubens acumulou 80.607 km, enquanto Schumacher tem 80.293, 314 km de diferença. Como a média de um GP gira em torno de 305 km, o heptacampeão pode superar seu ex-companheiro de Ferrari no GP dos Estados Unidos, em 18 de novembro.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube