Vettel cita dificuldade com pneus na Hungria, mas declara: “10º é o que merecíamos”

O alemão avaliou que largar com os pneus macios será uma vantagem, mas ainda não sabe se poderá fazer a estratégia de uma parada no GP da Hungria

Carlos Sainz bateu no treino classificatório do GP da Hungria de F1 (Vìdeo: F1)

Sebastian Vettel acredita que conseguiu o que merecia na classificação para o GP da Hungria de Fórmula 1. O alemão avaliou que largar com o pneu macio em Hungaroring pode ser uma vantagem, apesar de ter feito uma ressalva em relação ao desgaste dos calçados.

Vettel cravou 1min16s750 na classificação deste sábado (31) e ficou a 1s331 de Lewis Hamilton, o dono da pole-position.

Sebastian Vettel saiu satisfeito com o décimo lugar (Foto: Aston Martin)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

O piloto da Aston Martin afirmou que teve dificuldades para fazer os pneus funcionarem, mas acha que a décima colocação foi justa.

“Tivemos um pouco de dificuldade para colocar os pneus no ponto certo para a última volta”, disse Vettel. “Acho que poderíamos ter alcançado a nona colocação, mas, de forma realista, a décima colocação é o que merecíamos”, seguiu.

“Acho que será uma vantagem começar a corrida com os pneus macios, só precisamos ver o quanto ele vai durar”, ponderou. “Funcionou muito bem ontem, mas ainda temos de ver se podemos fazer a estratégia de uma parada funcionar largando com os macios”, completou.

O GP da Hungria, 11ª etapa da temporada 2021 da Fórmula 1, tem largada prevista para 10h (de Brasília, GMT-3) deste domingo. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

+Como ficou o grid de largada do GP da Hungria de Fórmula 1

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar