Vettel cita novo regulamento e vê 2022 como “grande oportunidade” para Aston Martin

Sebastian Vettel reconheceu as dificuldades enfrentadas pela Aston Martin em 2021, mas acredita que o novo regulamento pode significar uma chance de ouro para a equipe inglesa na F1

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTubeGP | GP2

Pedro Henrique Marum refletiu sobre o 2021 de Daniel Ricciardo no GP às 10

Com olhos já no futuro, Sebastian Vettel projeta um salto de qualidade e desenvolvimento para a Aston Martin em 2022, diante do novo regulamento técnico da Fórmula 1. Porém, antes da mudança, o tetracampeão admitiu que o 2021 da equipe inglesa ainda deixa a desejar e que há ainda muito trabalho a ser feito.

Em análise da primeira metade da temporada, o alemão de 34 anos entende que as alterações feitas nas regras para este ano tornaram a busca por desempenho mais complicada. “Não consigo dizer quando os resultados vão chegar neste ano. Mas 2022, com a mudança no regulamento, será uma grande oportunidade para nós”, disse Vettel ao jornal italiano La Gazzetta dello Sport.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

SEBASTIAN VETTEL; TESTE; PIRELLI; 18 POLEGADAS; SILVERSTONE;
Sebastian Vettel deposita as esperanças no novo regulamento técnico da Fórmula 1, que entra em vigor em 2022 (Foto: Pirelli)

“Tivemos um começo difícil, depois disso as coisas passaram a se acertar. Talvez fosse justo termos conseguido alguns resultados melhores, mas as mudanças no regulamento para este ano nos afetou mais do que a outros times”, completou Seb.

Sétima colocada no Mundial de Construtores, com 48 pontos, a Aston Martin ainda sonha em fechar o ano no top-5, mesmo atrás de AlphaTauri e Alpine na disputa. “Temos de aproveitar as oportunidades para marcar pontos e brigar pela quinta posição no Mundial de Construtores”, garantiu.

No GP da Hungria, o último antes da pausa das férias da F1, Vettel teve grande atuação para alcançar a segunda colocação na corrida. Mas o pódio acabou sendo tirado do time. O alemão foi desclassificado após ser flagrado com pouco combustível no tanque. De acordo com as regras, é preciso ter 1L ao fim da prova. A Aston Martin tentou recorrer, mas teve o pedido rejeitado. No fim, precisou aceitar a decisão dos comissários.


GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar