Sem pensar no passado vitorioso, Vettel demonstra ansiedade para saber nível da Red Bull em 2013

O alemão confirmou que a equipe não conseguiu concluir o programa elaborado para a pré-temporada. Por isso, ele afirmou que não tem ideia do patamar da Red Bull neste início de campeonato

► Confira as melhores imagens da F1 nesta quinta-feira na Austrália

Atual tricampeão da F1, Sebastian Vettel já está na Austrália para disputar a primeira corrida da temporada, que acontece nas ruas de Melbourne. Intrigado com os resultados obtidos na pré-temporada, o alemão admitiu que não sabe o nível da Red Bull em comparação com as outras equipes tamanha a inconclusão dos testes na Espanha, mas está animado para descobrir isso logo.

“Estou especialmente feliz por começar este ano porque queremos descobrir onde estamos. Não temos nenhuma ideia [de onde estamos] nesta fase, e não acredito que haja alguém que realmente tenha uma ideia. Por isso, [o início do campeonato] é bom para finalmente descobrir”, disse Vettel, que participou da coletiva desta quinta-feira (14) ao lado de Fernando Alonso.

Vettel fez a alegria dos fãs na Austrália nesta quinta-feira (14) (Foto: Red Bull/ Mark Thompson/ Getty Images)

Ele confirmou que a Red Bull não conseguiu concluir o programa elaborado para os testes em Jerez e em Barcelona, e voltou a ressaltar que não sabe onde a equipe está em comparação com as outras. “Nós voltamos ao trabalho na fábrica e chegamos com que achamos que é melhor. Amanhã vamos descobrir se estamos na direção certa”, explicou.

“É claro que queremos estar [na direção certa]. Sabemos que vai ser difícil e equilibrado. Mas, neste momento, nós realmente não sabemos onde estamos, porque não sabemos onde os outros estão”, completou.

Mesmo sendo detentor dos três últimos títulos, Vettel não esbanja confiança para esta temporada. Para ele, mais uma vez, o ano começa zerado. “O primeiro título foi muito, muito especial, porque você provou a si mesmo, mais do que qualquer outra coisa, que você pode fazer isso [ser campeão]”, falou.

“Depois tivemos dois anos fantásticos, muito diferentes entre si, mas não pensamos sobre o que aconteceu ano passado. Ou nos últimos três anos. Nós estamos com zero ponto no momento. Todo mundo tem as mesmas oportunidades”, finalizou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube