Sem tempo no Q3 em Monza, Albon reclama de volta lenta: “Parece algo bobo”

Alexander Albon foi um dos pilotos que sequer conseguiu marcar uma volta rápida na fase final da classificação do GP da Itália. O piloto da Red Bull teve abortada sua primeira tentativa por conta da bandeira vermelha causada por Kimi Räikkönen. Depois, acabou sendo prejudicado pela volta lenta que deu um ar de anticlímax ao desfecho da sessão em Monza

O treino classificatório do GP da Itália, neste sábado (7), foi o primeiro em que Alexander Albon conseguiu avançar até o Q3 correndo com o carro da Red Bull. Mas o anglo-tailandês levou azar e não chegou a registrar tempo. A primeira tentativa foi abortada por conta da bandeira vermelha causada pela batida sofrida por Kimi Räikkönen. E depois, no desfecho da classificação, Albon foi um dos tantos pilotos prejudicados pelo ritmo extremamente lento da volta de saída dos boxes.
 
O piloto de 23 anos vai largar da oitava colocação em Monza. Albon entende que a cena que marcou o treino classificatório foi um tanto ridícula.
Alexander Albon não conseguiu marcar tempo no Q3 em Monza (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)

“Todo mundo estava partindo para o vácuo. Isso conta tanto nesses carros que ninguém quer puxar a fila, e acabou que não fizemos a primeira volta por conta da bandeira vermelha”, lamentou.

 
“Tenho certeza que parece um pouco bobo na televisão e parece bobo dentro do carro também. É ok, sabe, no Q1 você tem as diferenças e aí você traz isso até o Q3. Está tudo bem. Vamos ver…”, comentou.
 
A expectativa do novo titular da Red Bull para domingo não é das melhores, sobretudo por conta da sua posição de largada e pelo que seu carro apresentou nas simulações nos long-runs. “Meu ritmo de corrida não foi tão bom quanto o ritmo em volta lançada. Deveríamos ter nos classificado à frente deles, então vamos ver amanhã”, concluiu.
 
O GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL todo o fim de semana do GP da Itália de F1. Siga tudo aqui.

Paddockast #32
AS PISTAS MAIS PERIGOSAS DO MUNDO

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube