Sexta-feira em Hungaroring tem manhã seca e tarde com risco de chuva

Tudo pode mudar entre o TL1 e o TL2 de sexta-feira na Hungria. A manhã, com chances nulas de chuva, vai ser seguida de uma tarde com possibilidade crescente de intempérie. O risco de água continua no sábado

O primeiro dia com atividades de pista no Hungaroring, nesta sexta-feira (2), corre o risco de ser um dia de extremos. O clima de momento, assim como o do primeiro treino livre, é seco e até mesmo ensolarado em alguns momentos. Entretanto, é possível que o jogo vire durante o TL2, com risco de ser afetado por chuva.
 
O risco de chuva começa a crescer por volta das 14h locais, de acordo com o ‘Weather Channel’. A possibilidade de chuva, então de 10%, sobe para 35% na altura das 15h. Às 16h, já com o TL2 já encerrado, a tendência segue e o número chega a 45%. O que parece certo é a chuva ao longo da noite, com risco batendo em 90% na altura das 23h locais.
 
O clima nublado e até mesmo chuvoso significa que as temperaturas ficam relativamente baixas, inclusive nos períodos secos. A máxima do dia é de 26ºC, que deve ser alcançada ainda na parte final da manhã.
Faz sol na Hungria, mas é possível que isso não dure muito (Foto: McLaren)

A instabilidade da sexta-feira serve como prenúncio para um sábado que deve seguir a mesma toada. A umidade relativa do ar sobe de 58% para 68%, o que indica maior propensão às pancadas de chuva. Essas devem vir principalmente entre a manhã e a hora do almoço. No domingo, entretanto, o sol predomina e o cenário muda de cara.

 
O GP da Hungria é o 12º da temporada da Fórmula 1, sendo também o último antes das famigeradas férias de agosto. Depois, a categoria volta apenas dentro de três semanas, no GP da Bélgica. 
 

 
Paddockast #26
Acidentes que alteraram carreiras

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube