Situação crítica da Red Bull em Jerez não assusta Ricciardo: “Não acho que isso vai nos afetar a longo prazo”

Confiante no potencial do RB10, novo contratado da escuderia dos energéticos minimizou preocupação em torno dos problemas sérios apresentados pelo novo carro nos testes de Jerez: "Temos o melhor time do mundo, e eles estão lutando para reverter isso"

 
Depois de quatro anos de hegemonia absoluta na F1, a Red Bull viveu ao longo desta semana o pior início de pré-temporada em muito tempo. Sem conseguir sanar os muitos problemas do RB10 e do motor Renault, o time dos energéticos completou míseras 21 voltas na soma dos quatro dias de atividades e acendeu a luz amarela para 2014.
 
Contudo, para Daniel Ricciardo, novo contratado da escuderia, a situação não é tão caótica quanto parece. Confiante, o piloto do carro #3 crê que o quadro pode ser modificado e que o que vale, mesmo, é ter confiabilidade quando o campeonato iniciar.
Ricciardo em um raro momento de ação com a Red Bull (Foto: Mark Thompson/Getty Images)
"Eu não acho que isso vai nos afetar a longo prazo. Temos o melhor time do mundo e eles estão lutando para reverter isso", afirmou o australiano após abandonar a sessão desta sexta-feira (31). "Não é como se tivéssemos começado a temporada, não estamos perdendo pontos por não estarmos na pista agora. Ainda temos muito tempo para voltar."
 
"Qualquer tempo de pista que perdemos aqui, por mim, tudo bem. As poucas voltas que fiz no carro me fizeram me sentir em um carro de corrida. Não é algo fora do comum. Tenho certeza de que quando formos para cima, a velocidade estará lá", argumentou.
 
"Os problemas que tivemos nos últimos dias são complexos. O sistema deste ano é complexo, não será algo resolvido em 24h. É melhor agora que temos algum tempo longe da pista para descobrirmos o que precisa ser feito."
 
"Eu vim aqui para pilotar. É isso o que eu sou, um piloto. Eu gostaria de ter feito mais voltas, mas ao mesmo tempo, é um teste, e o primeiro teste do ano. Não há motivo para ficar para baixo, isso é tudo o que eu posso dizer. Teremos oito dias no Bahrein, onde o tempo deve estar bom e terei algumas coisas para ver adiante", completou Ricciardo.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube