Speed trap: confira velocidades máximas de cada piloto no GP da Itália de F1 2020

Valtteri Bottas e Lewis Hamilton aferiram exatamente a mesma velocidade final no fim da reta do lendário circuito de Monza: 360,8 km/h. Pierre Gasly, o grande vencedor deste domingo em Monza, registrou 342,3 km/h e foi o 17º posicionado na tabela do speed trap do GP da Itália

Em meio a uma corrida das mais insanas dos últimos tempos na Fórmula 1, a dominante Mercedes desta vez ficou longe da vitória no GP da Itália, oitava etapa da temporada 2020. A escuderia hexacampeã do mundo acabou sendo prejudicada principalmente pela punição imposta a Lewis Hamilton, que foi chamado pela Mercedes para fazer sua troca de pneus no momento em que o pit-lane estava fechado após o acionamento do safety-car em razão do carro de Kevin Magnussen parado em situação perigosa.

Mas a equipe dos carros pretos liderou, e com direito a dobradinha, uma das tabelas deste domingo em Monza. Valtteri Bottas, que foi apenas o quinto colocado no GP da Itália, e Hamilton, sétimo melhor posicionado, aferiram exatamente a mesma velocidade final no fim da grande reta do circuito italiano: 360,8 km/h.

Valtteri Bottas decepcionou na corrida, mas aferiu a maior velocidade final, empatado com Lewis Hamilton (Foto: Mercedes)

Daniil Kvyat, que viu de longe o improvável triunfo do companheiro de AlphaTauri, Pierre Gasly, o grande nome do dia. O russo aferiu 357,2 km/h na sua melhor passagem. Também com o motor Honda, mas correndo pela Red Bull, Alexander Albon marcou 357 km/h, enquanto George Russell, com a Williams empurrada pelo motor Mercedes, registrou 356 km/h.

A dupla da Racing Point, com Sergio Pérez em sexto e Lance Stroll na sétima posição, aferiram velocidades finais semelhantes nesta tarde: 354 km/h para o mexicano, contra 353,4 km/h do canadense, que terminou a corrida na terceira colocação. Daniel Ricciardo, da Renault, registrou 352 km/h na sua melhor passagem, enquanto Lando Norris, da McLaren, foi o nono com 351,5 km/h.

Esteban Ocon, companheiro de equipe de Ricciardo, ficou em décimo na lista com 351,3 km/h. Já o piloto empurrado por motor Ferrari melhor posicionado na lista do speed trap desta tarde foi Romain Grosjean, da Haas, com 348,4 km/h. Antes de abandonar com problemas no freio, Sebastian Vettel marcou 345,8 km/h como sua maior velocidade final, pouco acima dos 344 km/h de Charles Leclerc, que bateu forte na curva Parabólica, mas escapou ileso.

Gasly registrou a 17ª maior velocidade final dentre os 20 pilotos que largaram neste domingo em Monza. O grande vencedor do GP da Itália cravou 342,3 km/h como maior velocidade final. As três últimas posições do speed trap foram ocupadas por pilotos empurrados por motor Ferrari: Kimi Räikkönen e Antonio Giovinazzi, da Alfa Romeo, e Kevin Magnussen, da Haas, que aferiu somente 323,9 km/h na sua melhor passagem.

Fórmula 1 2020, GP da Itália, Monza, speed trap:

1V BOTTAS360.8
2L HAMILTON360.8
3D KVYAT357.2
4A ALBON357.0
5G RUSSELL356.0
6S PÉREZ354.0
7L STROLL353.4
8D RICCIARDO352.0
9L NORRIS351.5
10E OCON351.3
11C SAINZ JR349.8
12R GROSJEAN348.4
13N LATIFI348.2
14S VETTEL345.8
15M VERSTAPPEN345.6
16C LECLERC344.0
17P GASLY342.3
18K RÄIKKÖNEN341.5
19A GIOVINAZZI339.8
20K MAGNUSSEN323.9

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube