Speed trap: confira velocidades máximas dos pilotos durante treino classificatório para GP da Malásia

Liderado por Adrian Sutil, a Force India conseguiu as duas melhores velocidades no final da principal reta do circuito de Sepang. Romain Grosjean ficou com a terceira posição

Mostrando força neste início de temporada, a Force India conseguiu a maior velocidade na principal reta do circuito de Sepang, na Malásia, palco da segunda etapa da temporada da F1. Neste sábado (23), Adrian Sutil, uma das surpresas do início da temporada, conseguiu 307.1 km/h como velocidade final durante o treino classificatório.

Sutil conseguiu 307.1 km/h no classificatório do GP da Malásia (Foto: Force India)

Companheiro de equipe do alemão, Paul di Resta ficou com o segundo posto ao bater na casa de 306.9 km/h e mostrou a força da equipe indiana e dos motores Mercedes. A terceira colocação ficou com Romain Grosjean, da Lotus, com a mesma velocidade de Di Resta, mas como o escocês marcou primeiro, o franco-suíço ficou atrás.

Ainda enfrentando problemas com o FW35, a Williams amargou as duas últimas colocações – Pastor Maldonado ficou com a 21ª colocação, enquanto o estreante Valtteri Bottas amargou, além da eliminação precoce no Q1, a última colocação do speed trap.

F1, GP da Malásia, Sepang, speed trap:

 
 
 
km/h
1
Adrian SUTIL
 
307.1
2
Paul DI RESTA
 
306.9
3
Romain GROSJEAN
 
306.9
4
Kimi RÄIKKÖNEN
 
306.5
5
Fernando ALONSO
 
303.2
6
Sergio PÉREZ
 
303.0
7
Daniel RICCIARDO
 
302.8
8
Felipe MASSA
 
302.6
9
Jean-Éric VERGNE
 
302.5
10
Jenson BUTTON
 
302.0
11
Charles PIC
 
301.9
12
Nico HÜLKENBERG
 
301.9
13
Max CHILTON
 
301.7
14
Jules BIANCHI
 
301.4
15
Nico ROSBERG
 
301.1
16
Esteban GUTIÉRREZ
 
300.4
17
Giedo VAN DER GARDE
 
300.3
18
Lewis HAMILTON
 
300.1
19
Mark WEBBER
 
299.6
20
Sebastian VETTEL
 
298.5
21
Pastor MALDONADO
 
298.0
22
Valtteri BOTTAS
 
296.4

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube