Stewart critica preparação de pilotos da F1 atual: “Focam no físico e não treinam a capacidade mental”

Para Jackie Stewart, lenda da F1, os pilotos atuais da categoria deveriam passar a se preparar mais mentalmente, e não só fisicamente: "Creio que a forma atual é completamente incorreta"

Jackie Stewart, tricampeão mundial, não anda satisfeito com alguns detalhes da F1 atual. Por exemplo, com a preparação dos pilotos que formam o grid da categoria hoje.

Em entrevista ao 'Motorsport', a lenda do esporte comentou sobre como pensa que os pilotos deveriam pensar mais na forma mental, e não só na física, para que possam render mais nas pistas. 

"Não há um piloto sequer, por mais talentoso que seja, que não possa melhorar com a sabedoria e observações que provavelmente nunca pensou antes. No esqui, no golfe, no tênis, no hispimo, qualquer esporte, o treinamento e uma das coisas mais importantes", disse.

Jackie Stewart (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

"Agora eles (os pilotos da F1) estão em forma e têm treinadores que ajudam com sua condição física. Eles focam na condição física e não treinam a capacidade mental. E eu acredito que isso seja incorreto", continuou.

Para ele, um dos motivos que o tornaram tricampeão do mundo foi ouvir outros pilotos mais experientes: "Tinha muita fome de aprender com outras pessoas e tive a sorte de falar muito com Jim Clark. Foi o melhor piloto com quem corri."

"Se eles escutarem o que o treinador está dizendo, poderão ver a diferença. Todos somos tão inteligentes que não precisamos de treinadores. Isso é errado. E é mais importante ainda porque têm a sua disposição a telemetria para melhorar", finalizou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube