Stewart diz que Vettel foi irresponsável, mas sugere que Hamilton agiu para provocar ‘briga de rua’ em Baku

Tricampeão mundial de F1, Jackie Stewart também teve opinião para dar sobre a confusão entre Sebastian Vettel e Lewis Hamilton no Azerbaijão. Segundo Stewart, Vettel errou, sim, mas indicou que a provocação de Hamilton foi uma falta mais importante

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Quase uma semana depois do GP do Azerbaijão, seguem as discussões sobre a 'briga de rua' entre Sebastian Vettel e Lewis Hamilton. O último a entrar na baila foi o tricampeão mundial de F1 Jackie Stewart. E a lenda do esporte a motor foi bem claro: acha que Vettel errou, sim, mas porque foi vítima de uma provocação de Hamilton.

 
Tudo aconteceu quando a corrida em Baku estava sob safety-car. Na liderança e coordenando a velocidade do pelotão, Hamilton diminuiu o ritmo abruptamente e Vettel, atrás, não conseguiu evitar um toque. Irritado, o tetracampeão alinhou ao lado de Lewis para reclamar e acabou jogando o carro na lateral da Mercedes. O caso fez a relação entre os dois, até então bastante amistosa, explodir.
 
Uma investigação da FIA concluiu que Lewis não fez o chamado 'brake-test', mas nem todo mundo ficou convencido. Vettel foi punido com 10s de 'Stop & Go' e alguns pontos na carteira, mas nada que evitasse críticas para todos os lados. E Stewart, embora tenha criticado Vettel, também não poupou Hamilton.
 
"Não há dúvidas na minha cabeça de que Vettel estava completamente errado. Quero dizer, ele foi irresponsável ao colidir com Lewis", criticou em entrevista ao programa 'The Flying Lap'. "Se foi um momento de raiva ou por qualquer outra razão, ainda foi errado. Mesmo assim, há outro lado que eu considero ainda mais importante", prosseguiu.
A lenda Jackie Stewart (Foto: Carsten Horst)
"O motivo pelo qual aconteceu foi que Lewis tirou completamente o pé do acelerador ou cravou no freio num momento em que não havia corrida e nenhum piloto atrás do líder esperaria aquilo", pontuou. "Assim, Vettel, mesmo com a rápida reação de um campeão da F1 por quatro vezes, ainda acertou a traseira de Lewis sem qualquer intenção, mas por conta de uma desaceleração brusca. E todos os pilotos meio que estavam prontos para acelerar na reta porque o safety-car já tinha desaparecido", opinou.
 
"Isso provocou, sem dúvida, a revanche de Vettel. E a cabeça dele não estava funcionando direito. Como as coisas se desenvolveram, na minha opinião, foi um erro absoluto de Sebastian em colidir com Lewis. Acho que isso foi um grande erro", encerrou.
 
Com o clima quente os líderes do campeonato se enfrentam na próxima semana na Áustria.

POLÊMICA MOSTRA QUE VETTEL PISOU NA BOLA E HAMILTON FOI MALANDRO EM BAKU

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube