F1

Tempo da manhã garante liderança de Räikkönen no sétimo dia de testes da F1 em Barcelona. Massa ensaia reação

Kimi Räikkönen liderou as atividades no sétimo dia de pré-temporada da F1 em Barcelona. O finlandês, com o tempo de ultramacios registrado pela manhã, voltou a mostrar competitividade com a Ferrari. Felipe Massa foi segundo em seu primeiro dia realmente chamativo com a Williams, enquanto Felipe Nasr foi sexto
Warm Up / Redação GP, de Porto Alegre
 Kimi Räikkönen durante o sétimo dia de testes da F1 em Barcelona (Foto: Getty Images)
Kimi Räikkönen nem precisou fazer muito esforço no turno da tarde para se consolidar como piloto mais rápido desta quinta-feira (3), sétimo dia de pré-temporada da F1 em 2016. O finlandês, dono da promissora marca de 1min22s765, registrada pela manhã com pneus ultramacios, conseguiu uma margem confortável sobre seus adversários mais próximos. Assim como em vezes anteriores, foi mais uma sessão de muita quilometragem para a maioria das equipes e quase nenhuma quebra.
 
Räikkönen, em um dia marcado pela primeira aparição do Halo, acumulou tanto voltas rápidas quanto quilometragem, chegando aos 121 giros ao redor de Barcelona. O mesmo pode ser dito de Felipe Massa, que, em seu primeiro dia realmente positivo de pré-temporada, levou a Williams ao segundo lugar com pneus macios, depois de 103 voltas. 1min23s193 foi a marca do #19
Kimi Räikkönen durante o sétimo dia de testes em Barcelona (Foto: Getty Images)
Massa conseguiu superar pilotos que utilizaram pneus ultramacios. Nico Hülkenberg, com o pneu de banda roxa, foi terceiro com 1min23s251. Max Verstappen, quarto, ficou com 1min23s382
 
Além de Massa, Felipe Nasr também conseguiu resultados interessantes. Ainda conhecendo melhor a nova Sauber C35, o brasileiro acumulou mais de uma centena de voltas e registrou o sexto melhor tempo: 1min24s768, com pneus macios.
 
Lewis Hamilton, que havia assumido a Mercedes W07 apenas no turno da tarde, não estava interessado em voltas rápidas. O britânico, com pneus médios, partia para fazer simulação de corrida – e logo começou a ganhar velocidade: sem muito esforço, o tricampeão marcou o décimo tempo, melhor do que a Renault de Jolyon Palmer e a Haas de Romain Grosjean. 
 
Fernando Alonso, assim como o rival, partiu para simulações de corrida. Também com médios, o espanhol começou o longo trecho, mas logo precisou abortar o plano para fazer mudanças no carro. Depois de 10 minutos, o #14 voltou à pista.
Felipe Massa durante o sétimo dia de testes coletivos da F1 em Barcelona (Foto: Getty Images)
Falando na Haas, o dia foi difícil para a estreante. Romain Grosjean repetiu a sessão da manhã e causou a segunda bandeira vermelha do dia ao rodar na curva 1, ficando preso na caixa de brita. Com isso, o francês viu suas quatro horas de testes serem resumidas a pouco mais do que uma. Já com meia hora de teste faltando, o #8 saiu da garagem novamente para completar mais alguns giros.

O francês, agora com supermacios, não conseguiu melhorar seu registro anterior, ficando estacionado em último. Além de estacionar nas tabelas, Romain estacionou na pista nos últimos minutos, levando ao encerramento antecipado do teste.
 
Jolyon Palmer também não teve uma tarde particularmente fácil. O britânico escapou da pista na curva 4, passeou pela brita e precisou recolher para a garagem. Na sequência, o que se viu foi o intenso trabalho da Renault para devolver o #30 à pista e ganhar mais quilometragem.
 
A Manor era outra equipe que sofria para somar voltas. Depois de acumular 34 voltas, Pascal Wehrlein voltou à garagem e de lá não mais saiu. Faltando uma hora para o fim da sessão, o motor estava apagado e sem qualquer indicativo de novas atividades.
 
A sexta-feira (4) reserva o último dia de pré-temporada da F1. Depois, a categoria foca no GP da Austrália, marcando para 20 de março, em Melbourne.

F1, testes coletivos, Barcelona, dia 7:

1 7 KIMI RÄIKKÖNEN FIN FERRARI 1:22.785   136
2 19 FELIPE MASSA BRA WILLIAMS MERCEDES 1:23.193 +0.408 119
3 27 NICO HÜLKENBERG ALE FORCE INDIA MERCEDES 1:23.251 +0.466 137
4 33 MAX VERSTAPPEN HOL TORO ROSSO FERRARI 1:23.382 +0.597 159
5 6 NICO ROSBERG ALE MERCEDES 1:24.126 +1.341 81
6 12 FELIPE NASR BRA SAUBER FERRARI 1:24.760 +1.975 116
7 14 FERNANDO ALONSO ESP McLAREN HONDA 1:24.870 +2.085 118
8 94 PASCAL WEHRLEIN ALE MANOR MERCEDES 1:24.913 +2.128 48
9 26 DANIIL KVYAT RUS RED BULL RENAULT 1:25.141 +2.356 121
10 30 JOLYON PALMER ING RENAULT 1:26.224 +3.439 94
11 44 LEWIS HAMILTON ING MERCEDES 1:26.488 +3.703 63
12 8 ROMAIN GROSJEAN FRA HAAS FERRARI 1:27.196 +4.411 78
 
 

Os pneus são...
ultramacios | supermacios | macios | médios | duros
 

Como diria Rômulo Mendonça, Massa está vendo que a temporada 2016 vai ser O...

Publicado por Grande Prêmio em Quarta, 24 de fevereiro de 2016
VEJA A EDIÇÃO #18 DO PADDOCK GP, QUE TRAZ BATTISTUZZI, ABORDA F1, INDY E STOCK CAR