Titular, Kubica define permanência na F1 em 2020 como nova meta: “Mais difícil do que voltar ao grid”

Robert Kubica voltou ao grid da Fórmula 1 após longo hiato, mas talvez isso seja fácil em comparação com o próximo desafio. O polonês agora quer a permanência no campeonato ao longo prazo – e conta com evolução da Williams para isso

Robert Kubica começa 2019 já pensando em 2020. O piloto polonês, que concretizou um improvável retorno à F1 ao assinar com a Williams, agora quer voltar a se estabilizar como piloto titular nos próximos anos. Isso significa seguir trabalhando para causar impressão positiva desde o começo – missão considerada ainda mais difícil do que a de encontrar uma vaga após oito anos de ausência.
 
“Meu objetivo é ainda mais difícil do que voltar à F1. Meu objetivo é ficar na F1”, disse Kubica, questionado pela TV polonesa ‘Telewizja Polska’. “A concorrência é forte. São os 20 melhores pilotos do mundo, então não é tarefa fácil, ainda mais depois de uma ausência tão grande. O carro vai ser muito importante. Se conseguirmos melhorar [o carro], o objetivo se torna mais fácil”, continuou.
Robert Kubica quer voltar a se consolidar na Fórmula 1 (Foto: AFP)
“Retornar ao grid da F1 não vai ser fácil. Estou frente a frente com um dos maiores e mais difíceis desafios da minha carreira, mas era isso que eu queria”, seguiu.
 
O objetivo pessoal de Kubica se confunde com o da Williams. A equipe britânica contratou o polonês para ser a voz da experiência em momento de reconstrução – o 2018 desastroso terminou com os britânicos na lanterna do Mundial de Construtores. A organização comandada por Claire Williams optou por combinar a experiência de Robert com a juventude de George Russell, atual campeão da F2.
 
“A temporada passada não foi fácil para a Williams, mas o regulamento está mudando e isso pode permitir que a gente volte a ser competitivo”, refletiu Kubica. “Não é como se fossemos voltar a ser a melhor equipe, mas vamos trabalhar pesado para que seja um carro melhor do que o último”, encerrou.
 
A dura missão de Kubica e Williams começa a ser encarada em 18 de fevereiro, dia da primeira atividade de pré-temporada em Barcelona. A primeira corrida vem em 17 de março, data do GP da Austrália.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube