Chefe da Mercedes afirma que não se interessa pela “tagarelice” da Red Bull

Chefe da Mercedes, Toto Wolff se mostrou incomodado com as falas de Christian Horner, rival da Red Bull. O dirigente austríaco decidiu que vai se importar menos com isso

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
Pedro Henrique Marum refletiu sobre o 2021 de Daniel Ricciardo no GP às 10

Em pé de guerra com a Red Bull fora das pistas, por conta da dura batalha travada com a rival pelo título mundial de Fórmula 1, Toto Wolff quer cada vez mais se blindar do falatório e das polêmicas. Com o desejo latente de se concentrar no próprio trabalho, o líder da Mercedes foi categórico ao dizer que não está interessado em “tagarelices”.

Wolff comentou que sempre busca se concentrar no que acontece na Mercedes e no próprio trabalho, deixando de lado as conversas que circulam no paddock. O chefe da Mercedes usou o GP do Azerbaijão, onde se mostrou brabo em relação às falas de Christian Horner, mandatário da Red Bull.

“Fiquei irritado em Baku. Isso é algo que normalmente não acontece comigo. Levando isso em conta, quero concentrar meu foco na equipe e em mim, sem me distrair com barulhos. Não estava na defensiva em Baku, apenas fui provocado. No fim das contas, não estou interessado em tagarelice”, comentou Wolff.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

TOTO WOLFF; GP DO AZERBAIJÃO; F1; BAKU;
Toto Wolff quer focar exclusivamente em seu trabalho na Mercedes (Foto: Steve Etherington/Mercedes)

Ainda a respeito das recentes trocas de farpas e burburinhos, Wolff reiterou que deseja olhar apenas para a própria equipe e que tenta ignorar as distrações. “O que quer que seja dito ou escrito, são apenas distrações. Tem o potencial de distrair você, e você não quer ser distraído. Só quero olhar para o interior”, disse.

Por fim, o chefe da Mercedes comentou a respeito da forma que comanda a equipe heptacampeã e garantiu que gosta de ouvir as opiniões de outros diretores para tomar as decisões. “Com certeza, sempre escuto. Isso é muito importante, já que às vezes você precisa olhar além do próprio umbigo. É minha forma de ser”, finalizou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar