Tráfego impede boa volta nos treinos livres do Azerbaijão, mas Massa fica satisfeito com ritmo da Williams

Felipe Massa não chamou atenção pelo bom ritmo em voltas rápidas nos treinos livres da F1 em Baku, mas o brasileiro assegura que a Williams está no caminho certo

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Uma análise fria pode indicar que a sexta-feira (23) de Felipe Massa no Azerbaijão não foi grande coisa. O brasileiro foi oitavo no TL1 e 11º no TL2 – atrás inclusive do companheiro Lance Stroll. Mas essa não é a análise do piloto: Felipe encerrou as atividades com a sensação de que a Williams está no caminho certo em Baku.
 
“Foi um dia bom, fiquei feliz com o carro”, disse Massa. “Infelizmente não consegui encaixar uma volta muito boa com pneus novos, principalmente por conta do tráfego e das bandeiras amarelas. Mas estou feliz com o balanço do carro e com o ritmo de corrida”, seguiu.
Felipe Massa liderou o começo do primeiro treino livre em Baku (Foto: Williams F1/Twitter)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“Os errinhos que eu cometi hoje não foram um grande problema, não danifiquei nada, o que sempre é positivo aqui. Definitivamente estamos na briga, então espero encaixar tudo na hora da classificação”, finalizou.
 
Baku já prometia ser um bom circuito para a Williams. Com longas retas, o motor Mercedes pode fazer diferença. Mas a sexta-feira acabou com um motor Renault em primeiro – Max Verstappen fez uma apresentação surpreendente e liderou os dois treinos livres.
 
NOVA DERROTA EM 2017 MOSTRA QUE TOYOTA E LE MANS SÃO COMO ‘ÁGUA E ÓLEO’

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:

0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe,
.embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;

top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube