Verstappen diz que Red Bull tem “muitas áreas nas quais melhorar” para 2021

Max Verstappen venceu duas corridas em 2020 e foi terceiro no Mundial, mas acredita que está longe de ter uma Red Bull capaz de brigar com a Mercedes, ainda

Max Verstappen levou a Red Bull a duas vitórias em 2020, tal como a terceira colocação no Mundial. Não é o suficiente para ele, e o holandês vê algumas dúvidas internas para 2021.

Em entrevista ao site ‘GP Fans’, Verstappen comentou sobre a falta de aproximação da Red Bull para com a Mercedes, e que segue temendo isso para o próximo campeonato.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Em 2020, Verstappen venceu o GP dos 70 Anos e em Abu Dhabi (Foto: Red Bull Content Pool)

“Não há garantia alguma, é claro, de que iremos bem ano que vem. E, com certeza, há muitas áreas nas quais precisamos melhorar”, comentou o piloto.

Isso logo após dizer que, em 2020, a Red Bull já perdeu oportunidades de brigar mais com os rivais que dominam o Mundial: “Sim, mas não importaria muito, não teríamos levado o título.”

“Mas, claro, houve momentos em que poderíamos ter chegado ao topo. Ao final, como equipe, fizemos um bom trabalho se recuperando de um começo de ano no qual tivemos alguns problemas com o carro, só ver como terminamos o ano”, completou.

Em 2021, ele terá Sergio Pérez como companheiro, e reiterou os elogios já feitos anteriormente ao mexicano: “Ele teve uma grande temporada. Fez um grande trabalho. Traz mais experiência para a equipe e estou animado em trabalhar com ele. Um cara legal, vamos nos dar bem.”

“Espero que possamos tornar as coisas mais difíceis para a Mercedes com os dois carros n próximo ano”, concluiu Verstappen.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar