F1

Verstappen fala em melhorar equilíbrio do RB12 e diz que novo motor Renault ajuda Ricciardo: “Tem um pouco de diferença”

Quarto colocado no primeiro dia de treinos para o GP de Mônaco, Max Verstappen avaliou que não está muito longe das Mercedes, mas precisa trabalhar no equilíbrio do carro. Holandês avaliou que Daniel Ricciardo está se beneficiando com o novo motor

Warm Up / Redação GP, de São Paulo
Vencedor do GP da Espanha, Max Verstappen começou o fim de semana em Mônaco com o quarto tempo no resultado combinado das duas sessões de treinos livres. Nesta quinta-feira (26), o holandês cravou 1min15s571 em sua melhor volta e ficou a 0s964 de Daniel Ricciardo, o líder dos trabalhos.
 
Com quase 1s de atraso para o companheiro de equipe, Verstappen avaliou que o australiano está tirando proveito do novo motor, uma diferença que deve aumentar no GP do Canadá.
Max Verstappen falou em melhorar o equilíbrio do carro em Mônaco (Foto: Getty Images)
“Tem um pouco de diferença aqui”, disse Verstappen. “Claro, especialmente no Canadá, vai fazer uma diferença maior, mas eu tenho de fazer o melhor trabalho que puder”, continuou.
 
Apesar da performance da Red Bull nesse primeiro dia em Mônaco, colocando os dois carros no top-4 no resultado combinado das duas sessões livres, Max acredita que ainda é possível melhorar a performance do RB12.
 
“Não foi tão ruim. O feeling estava lá, foi só aumentando volta após volta, e não tivemos nenhum acidente, isso foi o mais importante”, indicou. “Nós precisamos trabalhar no equilíbrio do carro, ficar um pouco mais confiante no carro e, a partir daí, veremos o que acontece”, ponderou.
 
“Não estamos muito longe [da Mercedes], então vamos tentar melhorar o nosso carro, pois, com certeza, eles também farão isso”, comentou. “Vamos ver. O mais importante é trabalharmos no nosso carro”, concluiu.

PADDOCK GP #30 DEBATE INDY, F-E E MOTOGP