F1

Vettel coloca título com Ferrari como condição para seguir na F1 além dos 40 anos: “Nunca diga nunca”

Se Kimi Räikkönen decidiu seguir na F1 aos 40 anos, idade que completará em 2019, Sebastian Vettel ainda não sabe se seguirá o mesmo caminho. O alemão, hoje com 31, só coloca uma condição para 'imitar' o finlandês: ser campeão do mundo com a Ferrari até lá
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Sebastian Vettel (Foto: Ferrari)
Atualmente com 39 anos, Kimi Räikkönen já anunciou que seguirá na F1 por mais duas temporadas, até os 41 anos ao menos, na Sauber. Continuar na principal categoria do automobilismo mundial com tal idade não é dos fatos mais comuns, mas o finlandês pode abrir esse precedente.

Para seu atual companheiro de Ferrari, Sebastian Vettel, isso ainda não é uma certeza. O piloto de 31 anos evita pensar no futuro distante, mas tem uma condição para que possa 'imitar' Räikkönen um dia.

"Se eu conseguir ser campeão do mundo com a Ferrari dentro dos próximos 10 anos, talvez (fique na F1 além dos 40)", disse o alemão em entrevista ao jornal 'Motorsport-Total'.

"Mas 10 anos é muito tempo, tanto quanto eu já estou aqui. Não sei, isso significaria fazer 400 GPs, nunca diga nunca", completou.
Sebastian Vettel (Foto: AFP)
Sobre o futuro, ele também comentou se tem planos em outras categorias. "Acredito que meu melhor momento ainda está por vir."

"Tenho que esperar, há muitas coisas que quero fazer. Tenho ideias que guardo para mim, e algumas nada tem a ver com a F1. Em Le Mans você pilota contra veteranos e jovens, talvez você diminua sua velocidade quando mais velho, não sei, mas sei que quero participar de corridas diferentes", concluiu o tetracampeão mundial.

O Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 acontece este ano nos dias 9, 10 e 11 de novembro, no autódromo de Interlagos. Os ingressos para a corrida estão disponíveis no único site oficial do evento: www.gpbrasil.com.br