Vettel comemora “mega dia” da Ferrari e terceiro lugar no GP da Itália: “Fizemos o máximo possível”

Desde o começo do fim de semana, a Ferrari sabia que teria pouquíssimas chances de lutar de igual para igual contra a Mercedes. Assim, o resultado do GP da Itália foi o melhor possível para Sebastian Vettel, que cruzou a linha de chegada em terceiro lugar

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Sebastian Vettel terminou em terceiro lugar o GP da Itália, 14ª etapa da temporada 2016 do Mundial de F1, e foi ao icônico pódio do circuito de Monza. A colocação na disputa deste domingo (4) foi quase como uma vitória para o alemão, que considerava, desde o início do fim de semana, que as Mercedes eram praticamente imbatíveis, como de fato foram. Nico Rosberg venceu a prova, e Lewis Hamilton, mesmo com um erro na largada e após ter caído para sexto na primeira volta, usou da estratégia para terminar em segundo.
 
Ciente de que seria muito difícil bater a Mercedes na pista, a Ferrari ousou com uma estratégia que, no fim das contas, não deu certo. Tanto Vettel como Kimi Räikkönen largaram com pneus supermacios, fizeram um segundo stint com os compostos vermelhos e somente a última parte da corrida foi feita com os pneus macios.

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Vettel comemorou com os tifosi no pódio em Monza neste domingo (Foto: Beto Issa)
A Mercedes optou por apenas uma parada para Rosberg e Hamilton, que largaram com pneus macios e, na metade final do GP da Itália, trocaram para os médios. 
 
A estratégia escolhida acabou não sendo suficiente para superar pelo menos um carro da Mercedes, de modo que a colocação da Ferrari, terceiro lugar com Vettel e quarto com Räikkönen, foi o melhor possível diante de todas as condições.
 
“Foi uma boa largada. Fiquei um tanto preso, talvez poderia ir um pouco mais para a esquerda, mas quando fiquei no meio e lado a lado com Nico [Rosberg]. Ele fez um bom trabalho freando na curva 1, eu estava esperando que ele frearia mais cedo, mas ele não fez isso. Tentei de novo na curva 4, mas acabei não ficando perto o bastante”, comentou o piloto.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“Eles estavam muito mais rápidos do que nós em ritmo de corrida, você pode ver no fim das contas que o resultado é muito claro. Mas ainda assim foi um mega dia para a Ferrari com tanto apoio”, disse o tetracampeão. “Chegaram aqui na pista, passaram toda a noite, eles todos felizes com as bandeiras da Ferrari. É ótimo ver a paixão neste país pela Ferrari”, observou.

 
“Sabíamos que seria muito complicado contra a Mercedes, mas mesmo assim fizemos uma grande corrida. Fizemos o máximo possível”, completou o tetracampeão.
PADDOCK GP #44 DEBATE VITÓRIAS DE ROSBERG EM SPA E DE RAHAL NO TEXAS

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube