Vettel perde pole nos EUA por 0s012 e lamenta 1ª volta “conservadora” no Q3

Sebastian Vettel larga em segundo na tarde deste domingo (3) e Austin, no GP dos EUA. Atrás apenas de Valtteri Bottas, o alemão crê que poderia ter forçado um pouco mais em sua primeira volta na parte decisiva da classificação

Quando se perde uma posição no grid da Fórmula 1 por 0s012, é impossível não pensar que dava para ir além – ainda mais se o caso for a briga pela pole. 

Foi o que aconteceu com Sebastian Vettel no último sábado (2): ele ficou atrás apenas de Valtteri Bottas na briga pelo melhor tempo do treino de classificação para o GP dos EUA. E, mesmo feliz com o resultado, lamentou ter sido conservador na abertura do Q3.

"Foi uma boa sessão, foi divertido pilotar, mas se voc~e fica tão próximo da pole, no lado errado dessa história, acho que Valtteri se divertiu mais", brincou Vettel.

Sebastian Vettel (Foto: Ferrari)
Paddockast #40
QUEM VOCÊ ENTREVISTARIA NO GP DO BRASIL?

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

"Eu tive uma boa primeira volta e tive alguma margem no último setor. Acho que fui conservador demais para ter certeza de que eu iria finalizar a volta, e só depois melhorar o tempo."

"Infelizmente não melhorei, então meu plano não deu certo. Mas, no geral, tudo foi bem. Acho que teremos uma boa corrida amanhã porque o carro pareceu melhor no sábado do que sexta, o que é o que precisávamos", concluu o tetracampeão do mundo.

A largada do GP dos EUA está marcada para 16h10 (horário de Brasília) deste domingo. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube