Vettel volta ao circuito da primeira vitória pela Ferrari, sonha alto e diz que vai tentar repetir feito em Sepang

Um ano e meio depois de conquistar sua primeira vitória como piloto da Ferrari, Sebastian Vettel volta a Sepang disposto a repetir o feito de 2015. O tetracampeão foi mais um a classificar o GP da Malásia como um grande desafio em função do clima equatorial, quente e muito úmido

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Há praticamente um ano e meio, em 29 de março de 2015, Sebastian Vettel vivia um dia histórico. Logo em sua segunda corrida pela Ferrari, onde iniciava nova vida depois de formar toda sua carreira como piloto da Red Bull, o tetracampeão mundial de F1 alcançava uma vitória improvável e na base da estratégia em Sepang, derrotando o favoritismo das Mercedes de Lewis Hamilton e Nico Rosberg.
 
Neste fim de semana, o alemão de 29 anos retorna à Malásia para a disputa da 16ª etapa da temporada 2016. E o clima é de otimismo, em que pese a falta de resultados obtidos pela Ferrari, que ainda não venceu neste ano.

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Há um ano e meio, Sebastian Vettel comemorava a vitória no GP da Malásia. Agora, ele sonha em repetir o feito (Foto: AP)
“Fizemos muito bem no ano passado, de modo que vamos tentar repetir neste ano. Claro que a minha primeira vitória com a Ferrari foi emocionante e especial. Fizemos uma grande corrida e vivemos uma grande noite depois. Então tenho boas lembranças e estou ansioso para voltar à Malásia e começar a correr”, declarou o piloto em prévia divulgada pela Ferrari.
 
Assim como os brasileiros Felipe Massa e Felipe Nasr, Vettel também enxerga o GP malaio como um grande desafio do ponto de vista climático em razão das altas temperaturas e também da umidade relativa do ar elevada, o que exige ainda mais da capacidade física dos pilotos do grid.
 
“Acho que o GP será um completo desafio. Tem muitas curvas rápidas e é um circuito muito duro com os pneus porque normalmente faz muito calor. Há possibilidades de chuva sempre em algum ponto da corrida. Pode ocorrer chuva quase a cada dia e não será fácil deixar tudo acertado, mas se conseguirmos, vamos nos sentir bem”, avaliou.
 
“É um dos lugares em que há muitos desafios. O objetivo é voltar nos sentirmos tão bem como foi no ano passado”, finalizou Seb.
PADDOCK GP #47 DISCUTE F1, FINAL DA INDY E FALA SOBRE ALEX ZANARDI

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube