Vídeo: ultrapassagem de Vettel em Vergne em Interlagos pode causar reviravolta no título de 2012

Sebastian Vettel ultrapassou Jean-Éric Vergne no início do GP do Brasil em uma área que poderia estar com bandeira amarela acionada. Caso isso seja comprovado, o título poderá ir para Fernando Alonso

Uma polêmica ultrapassagem de Sebastian Vettel em Jean-Éric Vergne pode mudar o campeão da temporada 2012 da F1. O alemão teria superado o francês em uma zona com bandeira amarela, o que causaria uma punição no tempo total de prova e consequentemente daria o título a Fernando Alonso.

O vídeo mostra claramente que as luzes indicando a bandeira amarela estão sendo acionadas, assim como o indicador no carro do alemão. No entanto, pouco antes da passagem, não é possível identificar pelas imagens se um fiscal está acenando a bandeira verde para o piloto no posto de controle da Reta Oposta.

Caso esteja, então Vettel não descumpriu nenhuma regra, já que os avisos de pista é o que valem. A luz indicadora de bandeira amarela nos carros dos pilotos serve apenas como auxílio para eles.

 

Interlagos pode causar reviravolta no título de 2012" rel="noopener noreferrer">Ultrapassagem de Vettel em Vergne em Interlagos pode causar reviravolta no título de 2012

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube