Vivo na luta pelo título de 2012, Alonso afirma: “Temos chance graças às primeiras voltas”

Terceiro em Austin, Fernando Alonso afirmou que segue vivo na luta pelo título graças às primeiras voltas do GP dos Estados Unidos. Asturiano comentou que perder apenas três pontos para Sebastian Vettel na classificação é melhor do que imaginava

 

► As imagens da F1 deste domingo na pista de Austin, nos EUA

Fernando Alonso não teve chances de vencer o GP dos Estados Unidos neste domingo (18), mas fez o suficiente para levar a briga pelo título até a última prova do calendário, em Interlagos, no próximo fim de semana. Terceiro colocado em Austin, o asturiano afirmou que segue com chances no Mundial graças às primeiras voltas da corrida. 

 
“Sabemos que temos chances no Mundial graças às primeiras voltas”, disse Alonso. “Sempre nos classificamos em sétimo ou oitavo, e terminamos a primeira volta nas primeiras três ou quatro posições e depois disso a corrida fica mais fácil, se você está no grupo que lidera”, explicou. 
Alonso afirmou que Ferrari deve ficar orgulhosa de seu trabalho em 2012 (Foto: Getty Images)
“Hoje nós sabíamos que tínhamos uma boa chance. Tentei ultrapassar na primeira curva e aí o ritmo melhorou e estávamos no primeiro pelotão”, continuou. 
 
Alonso reconheceu que não tinha ritmo para acompanhar Lewis Hamilton, o vencedor nos Estados Unidos, e Sebastian Vettel, que ficou em segundo. “Hoje não foi possível ter o ritmo destes dois caras. Eles estavam muito na frente”, admitiu. “Eu tive o suficiente para manter os outros atrás.”
 
13 pontos atrás de Vettel na classificação do Mundial, Fernando afirmou que resultado parece uma vitória depois do forte início de fim de semana do rubro-taurino no estreante circuito texano. 
 
“Este fim de semana é como uma vitória para nós”, comentou. “Perder apenas três pontos é algo que ninguém imaginava ontem à noite ou na noite de sexta após os treinos. Então estamos felizes por ter outro bom domingo e marcar bons pontos outra vez”, defendeu.
 
“Vamos para o Brasil com a chance de lutar pelo campeonato. Isso é algo pelo que temos lutado durante todo o ano”, falou. “Só o Seb está em uma posição melhor do que nós. Devemos estar orgulhosos de nós mesmos, aproveitar a corrida e ver o que dá no final”, concluiu o espanhol. 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube