F1

Williams desconversa sobre posição de diretor-técnico e diz: “Vamos ter dois carros completos em Melbourne”

A diretor-adjunta Claire Williams minimizou a responsabilidade de Paddy Lowe no atraso do carro inglês na pré-temporada e afirmou ter certeza de que a equipe de Grove vai se recuperar e ter dois FW42 completos para o GP da Austrália
GRANDE PRÊMIO, de Barcelona / EVELYN GUIMARÃES, do Circuito da Catalunha
Depois de dizer que o atraso no início dos trabalhos de pré-temporada da F1 nesta semana foi "não só decepcionante, como também vergonhoso", Claire Williams garantiu que a equipe inglesa vai se recuperar e terá dois carros prontos a tempo do GP da Austrália, que acontece em 17 de março, além de chassi adicional.
 
A esquadra de Grove sofreu um revés neste começo de ano e acabou perdendo os dois primeiros dias de atividades em Barcelona. O FW42 ainda não estava pronto para ir à pista e só chegou ao autódromo catalão na madrugada de quarta-feira. Apesar da falta de algumas peças e parte, o time conseguiu colocar George Russell para andar por 23 voltas.
 
"Eu tenho certeza de que teremos dois carros em Melbourne, totalmente completos e com um chassi adicional", afirmou a dirigente em entrevista coletiva, na Catalunha, também acompanhada pelo GRANDE PRÊMIO.
 
Claire Williams evitou falar sobre Paddy Lowe (Foto: Williams)
"Esse é o trabalho que a nossa equipe está fazendo neste momento. Estamos tomando todas as medidas para que tudo fiquei pronto como planejado", completou.
 
Devido ao contratempo, a posição de Paddy Lowe, diretor-técnico e principal responsável pelo projeto do FW42, foi colocada em risco e até questionado, de acordo com informações da mídia inglesa. Ao ser questionado sobre o trabalho de Lowe, Claire desconversou. "Eu estive lendo muitas especulações na imprensa recentemente sobre a posição de Paddy. Neste momento, todo o meu foco está na equipe e em garantir que o carro fique pronto", disse.
 
Por fim, a britânica relatou que durante todo o drama vivido pela Williams teve o apoio dos dois pilotos titulares, Robert Kubica, que volta à F1 neste ano, e George Russell, que estreia no Mundial. "Eles têm sido fantásticos. Ambos compreenderam a situação e nos apoiaram", concluiu.

GRANDE PRÊMIO cobre ‘in loco’ a pré-temporada da F1 em Barcelona com os repórteres Evelyn Guimarães, Vitor Fazio, Eric Calduch e o fotógrafo Xavi Bonilla. Acompanhe tudo aqui.