Williams não esconde decepção com desempenho no Canadá: "Não podemos esconder resultados"

Claire Williams, vice-diretora da escuderia, revela que não esperava pódio em Montreal, mesmo com excelente desempenho de Bottas na classificação. "Mas terminar nos pontos teria sido bom", comentou. Time vive seu pior início de ano em sua história na categoria

 
O conto de fadas da Williams no Canadá durou apenas o intervalo de tempo entre a sessão classificatória do sábado (8) e a corrida, disputada no último domingo (9). A terceira posição de Valtteri Bottas no grid chamou a atenção e finalmente deu indícios de que a equipe de Grove poderia ameaçar uma recuperação na temporada 2013.
 
Mas não foi dessa vez que o FW35 marcou seus primeiros pontos no ano. O finlandês perdeu rendimento de forma tão abrupta que, mesmo sendo o melhor carro do time em Montreal, cruzou a linha de chegada apenas na 14ª posição. Pastor Maldonado, 16º, sequer flertou com o top-10 na Ilha de Notre-Dame.
 
Mesmo assim, a Williams mantém a fé em sua dupla de pilotos e no potencial do carro. Ao menos é o que afirma Claire Williams, vice-diretora da escuderia britânica. Para ela, o resultado de Bottas no grid canadense serve como estímulo para bons resultados em um futuro próximo.
Bottas no Canadá: Williams é rápida só na foto (Foto: Mark Thompson/Getty Images)
"Foi realmente um bom impulso para o moral. Realmente foi. E eu acho que é muito importante quando você trabalha duro e sua equipe também. Você precisa se lembrar da razão pela qual está fazendo isso, então foi muito bom", disse a inglesa em entrevista ao site da revista 'Autosport'.
 
"Ninguém tinha a expectativa de que terminaríamos no pódio, mas terminar nos pontos teria sido bom. Só que o carro consome pneus muito rapidamente, e há outras questões que se juntaram a isso para fazer com que terminássemos onde terminamos", explicou.
 
"Definitivamente, há um passo à frente, mas claramente, ainda não estamos onde queremos estar e ainda há muito trabalho a fazer se quisermos realmente melhorar. Todo mundo sabe disso, e todo mundo sabe o que precisa fazer. Nós não podemos esconder nossos resultados nas tardes de domingo, então precisamos continuar pressionando e seguir lutando."
 
"Temos tudo o que precisamos na Williams para fazer isso. Apenas temos que ter certeza do que estamos fazendo", encerrou Claire, sem desculpas para o pior início de temporada da história de uma das escuderias mais tradicionais da F1.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube