carregando
F1

Williams se atrasa e desiste de shakedown na Espanha para “maximizar tempo na fábrica” antes dos testes

Chefe-adjunta da Williams, Claire Williams revelou que o time desistiu de um shakedown que estava previsto para o fim de semana. A dirigente explicou que a ideia é maximizar o tempo na fábrica antes dos testes coletivos da pré-temporada

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
A Renault não é a única equipe atrasada às vésperas da primeira bateria de testes da pré-temporada 2019 da F1. A Williams precisou desistir da ideia de realizar um shakedown neste fim de semana, na Espanha, por conta de um retardo na construção do carro. 
 
O time inglês tinha agendado um dia de filmagens na segunda-feira para poder completar algumas voltas com o FW42 antes do início dos testes, mas teve de desistir da atividade para poder se aprontar para a pré-temporada.
O novo carro da Williams para 2019 (Foto: Williams)
“Como seria de se esperar, nós tivemos um programa de engenharia extremamente agressivo durante o inverno”, disse Claire Williams, chefe-adjunta da Williams. “Sendo assim, nós decidimos não colocar nosso carro para rodar no nosso dia de filmagens neste fim de semana para permitir que o time maximize o tempo na fábrica antes de irmos para Barcelona para o primeiro dia de testes, em 18 de fevereiro”, explicou.
 
 
A pré-temporada da F1 começa em 18 de fevereiro, em Barcelona. O campeonato começa com o GP da Austrália, no dia 17 de março.