F2

Correa decide não amputar pé e enfrenta “operação crucial para determinar futuro”

O último boletim médico sobre o estado de saúde de Juan Manuel Correa foi publicado na noite da última sexta-feira (27). Juan Manuel Correa evoluiu de forma significativa. “Os pulmões melhoraram mais rápido que o esperado”, diz o boletim. Totalmente consciente, Juan Manuel agora vai enfrentar uma cirurgia longa e complicada no domingo para cuidar dos graves ferimentos no pé direito. Correa optou pela operação reconstrutiva ao invés da amputação do membro inferior

Grande Prêmio / Redação GP, de Sumaré
O gravíssimo acidente que resultou na morte de Anthoine Hubert e que envolveu também Juan Manuel Correa na corrida 1 da etapa de Spa-Francorchamps da Fórmula 2 está perto de completar um mês. Neste período, o piloto norte-americano de origem equatoriana foi removido de Liège, na Bélgica, para um hospital em Londres, onde ficou internado na UTI por conta de lesões muito graves no pé direito e também nos pulmões. Aos poucos, seu estado de saúde vai evoluindo. Correa, que chegou a ser declarado em estado crítico, evoluiu sua condição para “séria”, mas agora está totalmente consciente e com grande melhora nos pulmões. A grande preocupação agora é sobre o pé direito, bastante machucado.
 
Removido para um outro hospital em Londres, especializado em cirurgias ortopédicas, Juan Manuel vai ser operado no próximo domingo. O tempo de cirurgia dá a ideia da complexidade da situação, com a expectativa de duração de mais de dez horas. Só neste momento os médicos vão entender a real dimensão das lesões sofridas no membro inferior. O fato é que Juan Manuel, já consciente, optou por não amputar o pé e proceder assim com a cirurgia reconstrutiva.
 
“Juan Manuel Correa foi transladado a um novo hospital em Londres, especializado em cirurgias ortopédicas. O foco agora mudou dos seus pulmões para seus membros inferiores. Juan Manuel está totalmente consciente, seus pulmões melhoraram mais rápido que o esperado. A grande melhora do seu estado de saúde geral e sua determinação têm surpreendido aos médicos”, diz o comunicado.
Juan Manuel Correa evoluiu significativamente, mas vai enfrentar cirurgia decisiva no domingo (Foto: Reprodução)
“O objetivo principal nesta semana foi fortalecer o corpo de Juan Manuel, preparando para que ele esteja na melhor condição possível para suportar a cirurgia deste domingo, a qual se espera que dure mais de dez horas”, informou o boletim médico.
 
“A cirurgia deste domingo é crucial para determinar o futuro de Juan Manuel. Os médicos vão poder, pela primeira vez desde o dia do acidente, ter acesso completo aos ferimentos da perna direita. Isso vai lhes permitir determinar o grau das lesões da tíbia, tornozelo e do pé direito”, continuou.
 
O boletim informa que há um otimismo sobre a recuperação do piloto, levando em conta todo o processo de evolução do seu quadro de saúde nos últimos dias. “Durante a cirurgia, os médicos vão salvar o que puderem salvar e vão remover o que tiver de ser preciso com o propósito de reconstruir seu membro inferior direito. Os cirurgiões a cargo da operação são os melhores em sua área e se manifestam cautelosamente otimistas levando em conta a rápida recuperação que Juan Manuel vem tendo ao longo desta semana”.
 
No entanto, há a ponderação sobre o quão delicada é a operação a qual o piloto vai ser submetido neste domingo. “As lesões de Juan Manuel são severas e complexas. A cirurgia é uma operação muito complicada. Os médicos deram a Juan Manuel a opção de realizar uma operação reconstrutiva de seu membro inferior direito. Ele decidiu não optar pela amputação e proceder com a cirurgia reconstrutiva, entendendo os desafios que esta opção implica”, completou.
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.