F2

Em entressafra de talento, F2 vê Sette Câmara puxar fila de pilotos que precisam de título para pensar em F1

A F2 começa a temporada 2019 sem um favorito claro, mas com Sérgio Sette Câmara e Nyck de Vries à frente pelo histórico. Num grid 'abalado' pela F1 nos últimos anos, quem não é incrivelmente rico só tem chances com título

Grande Prêmio / Redação GP, do Rio de Janeiro
Sérgio Sette Câmara e Nyck de Vries estão sob os holofotes gerais pelo que fizeram nos últimos anos, mas fazem parte de um grid de F2 onde quem não tem dinheiro o bastante para comprar vaga tem que aparecer nas equipes da F1 com um título para que tenham chance. Para os jornalistas Paddock GP #153, a culpa dos muitos nomes jovens puxados para a categoria principal nos últimos anos.

ASSISTA ABAIXO