F2

F2 se antecipa à F1 e anuncia uso de pneus de 18 polegadas da Pirelli já a partir da temporada 2020

A F2 vai servir como um laboratório da Pirelli no desenvolvimento dos novos pneus de 18 polegadas que a F1 vai adotar a partir de 2021. O carro com os novos pneus, de perfil baixo, foi à pista para um shakedown em Mugello na última quarta-feira e foi apresentado nesta quinta-feira ao público em Barcelona

Grande Prêmio / Redação GP, de Sumaré
A Pirelli anunciou, nesta quinta-feira (9), que vai adotar o pneu de 18 polegadas para os carros da Fórmula 2 a partir de 2020. A iniciativa vem na esteira do desenvolvimento dos novos pneus para o Mundial de Fórmula 1, previsto para 2021. A categoria de acesso é vista pela fornecedora sediada em Milão como laboratório ideal para seu programa de testes, que já está em curso a partir deste ano. Na última quarta-feira, um carro da F2 com os protótipos dos novos pneus foi à pista para um shakedown em Mugello, na Itália. O modelo está exposto ao público neste fim de semana em Barcelona.
 
Diretor da Pirelli para a F1, Mario Isola ressaltou a importância da F2 como banco de provas ideal para que a fábrica italiana possa desenvolver, de forma competitiva e rápida, os pneus que vão calçar os carros da F1 em 2021.
 
“Estamos muito felizes por introduzir os pneus de 18 polegadas nos finais de semana de GP na próxima temporada, um ano inteiro antes da F1, como próximo capítulo da nossa pioneira e proativa parceria com a F2. Essa mudança vai nos ajudar muito sobre como desenvolver uma nova geração de pneus para a F1 em 2021 e também vai ajudar os próximos pilotos da F2 no ano que vem, uma vez que eles vão ganhar experiência com o futuro tamanho de pneu da F1”, disse o engenheiro.
A F2 vai servir como laboratório de desenvolvimento dos pneus de 18 polegadas para a F1 (Foto: Pirelli)
Pat Symonds falou em nome da F1. Nomeado pelo Liberty Media como diretor-técnico da categoria, o britânico lembrou que a “F2 já provou ser a melhor categoria de acesso para jovens talentos que aspiram subir para a F1 e agora é usada para entregar tecnologia. É uma grande oportunidade para nosso esporte que o desenvolvimento do pneu para 2021 possa ser feito não apenas em testes personalizados, mas também num ambiente de corrida”.
 
“A quantidade de dados que a Pirelli e a F2 vão conseguir coletar nos próximos 16 meses vai ser muito importante para a próxima geração dos pneus da F1”, comentou.
 
Chefão e promotor da F2, Bruno Michel comemorou o fato de a Pirelli ter escolhido a categoria como laboratório para o desenvolvimento dos futuros pneus da F1.
 
“Esta é uma grande oportunidade para a F2 e nossos pilotos. Nós somos o campo de treinamento para a F1 e, como tal, é importante corrermos com o mesmo tipo de pneus que é usado na F1. Estou muito satisfeito pelo fato de a F2 correr com os pneus de 18 polegadas em 2020, o que significa que os pilotos vão se formar em nosso campeonato para a F1 em 2021 vão conseguir se adaptar ainda mais rápido”, disse o francês.
 
“Esta não é a primeira vez que nós vamos ser um banco de testes da F1, uma vez que no passado alguns novos elementos foram implementadas em nosso nível antes de serem aplicados à F1. O próximo passo é um programa intensivo de desenvolvimento para garantir que tudo esteja pronto para a próxima temporada, especialmente um kit de atualização para o nossos carros de 2018 para se adaptar aos novos pneus”, complementou o dirigente.

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.