F2

Latifi se recupera de pit-stop ruim e vence corrida animada da F2 no Bahrein. Sette Câmara vai ao pódio

Na primeira corrida da F2 no Bahrein, equilíbrio tomou conta entre os principais pilotos. Nicholas Latifi assumiu a primeira posição nas voltas iniciais, perdeu a liderança nos boxes, mas fez grande recuperação e venceu a abertura da temporada. Sérgio Sette Câmara fez grande exibição e ficou com o terceiro lugar.

Grande Prêmio / GABRIEL CARVALHO, de Campinas


Nicholas Latifi venceu a primeira corrida da temporada 2019 da F2, realizada neste sábado (30), no Bahrein. O canadense da Dams superou um erro no pit-stop quando liderava e escalou o pelotão para receber a bandeira quadriculada após uma animada corrida. O italiano Luca Ghiotto, que foi o pole-position e teve péssima largada, foi um dos destaques da prova, fechando na segunda colocação após uma ótima corrida de recuperação.

O brasileiro Sérgio Sette Câmara, parceiro de Latifi na Dams, também não largou bem, mas fez grande exibição, correndo em ritmo forte, executando várias ultrapassagens e fechando o pódio no terceiro lugar.

Campeão da antiga GP3 e estreante, o francês Antoine Hubert fechou a prova em quarto, seguido por Louis Delétraz e Nyck De Vries, que chegaram a liderar a corrida e disputar a vitória, mas não conseguiram manter o ritmo na segunda parte, caindo de rendimento. Jack Aitken ficou com o sétimo lugar.

Estreante, Mick Schumacher fez uma corrida regular, se mantendo no top-10 do começo ao fim e fechando na oitava posição. O resultado significa que o piloto da Prema larga da pole-position na corrida 2, consequência do grid invertido. Nobuharu Matsushita cruzou a linha de chegada em nono, enquanto o chinês Guanyou Zhou fechou o top-10 e, de quebra, anotou a volta mais rápida da corrida.
Nicholas Latifi venceu no Bahrein (Foto: DAMS)
Confira como foi a primeira corrida:

Ainda na volta de apresentação, Ghiotto apresentou problemas no acelerador, e acabou largando muito mal, caindo para o sexto lugar. Delétraz pulou para a ponta, seguido por Latifi e De Vries. Sette Câmara saiu mal e teve cautela na primeira curva, caindo para a 13ª posição. O brasileiro ganhou três posições na segunda volta, pulando para o 10º lugar.

Na quinta volta, Sean Galeal perdeu a traseira ao tentar se aproximar de Antoine Hubert e rodou na curva 1, abandonando a corrida. No giro seguinte, Hubert partiu pra cima de Nikita Mazepin no mesmo ponto, conquistando o sétimo lugar. Sette Câmara também ultrapassou o russo Mazepin, assumindo a oitava posição.

Com oito voltas, o top-3 formado por Delétraz, Latifi e De Vries era separado por menos de dois segundos, e com uma vantagem confortável para o pelotão formado entre Nobuharu Matsuhita, Jack Aitken e Luca Ghiotto. Na nona volta, Latifi utilizou o lado de fora da primeira curva para concluir uma bela ultrapassagem sobre Delétraz, assumindo a primeira posição. Ghiotto ultrapassou Aitken, retornando ao top-5.

Ghiotto seguiu se recuperando e passou Matsushita, assumindo o quarto lugar. Latifi começou a abrir bastante vantagem para Delétraz, que era claramente mais lento que De Vries, que mostrava dificuldades para conquistar a segunda posição. Masushita perdeu ritmo e foi superado por Aitken, Hubert e Sette Câmara na volta 12. O piloto japonês foi o primeiro a ir aos boxes.

Com 14 voltas, o italiano Ghiotto continuou forte em sua recuperação, passando De Vries e Delétraz, assumindo a segunda colocação. Sette Câmara tentou passar Jack Aitken, travou as rodas e não concluiu a manobra, mas executou a ultrapassagem momentos depois. A maior parte do grid foi aos boxes entre as voltas 14 e 17. O líder Latifi teve problemas na troca de pneus, e acabou perdendo a liderança da corrida.

Após todos os pilotos pararem, Nyck De Vries assumiu a liderança, com Nobuharu Matsushita - que executou bela ultrapassagem sobre Louis Delétraz - em segundo. Latifi era apenas o quarto, seguido por Sette Câmara e Ghiotto.

Na disputa pelo terceiro lugar, Latifi conseguiu ultrapassar Delétraz na curva 1. Pouco tempo depois, foi a vez de Matsushita ser ultrapassado pelo canadense na primeira curva, e ele apenas tinha Nyck De Vries a sua frente. Com 10 voltas para o fim, Latifi ultrapassou De Vries, retomando a primeira posição que perdeu nos boxes.

Luca Ghiotto executou uma ultrapassagem dupla sobre Delétraz e Sette Câmara, assumindo o quarto lugar. Sette conseguiu permanecer no quinto posto, já que superou o suíço. Pouco tempo depois, Ghiotto passou Matsushita, ficando em terceiro. Sette Câmara aproveitou o embalo do italiano e conquistou outra posição.
Latifi celebra vitória no Bahrein (Foto: Reprodução/Twitter)
Ghiotto e Sette Câmara ultrapassaram De Vries, que também foi superado por Antoine Hubert. Apesar do ritmo forte dos dois pilotos, Latifi construiu uma vantagem firme e recebeu a bandeirada na primeira posição.

F2, Sakhir, GP do Bahrein, Corrida 1, Resultado Final:

1 NICHOLAS LATIFI CAN DAMS   32 voltas
2 LUCA GHIOTTO ITA UNI VIRTUOSI +8.7  
3 SÉRGIO SETTE CÂMARA BRA DAMS +14.8  
4 ANTHOINE HUBERT FRA ARDEN +17.2  
5 NYCK DE VRIES HOL ART +26.6  
6 LOUIS DELÉTRAZ SUI CARLIN +28.4  
7 JACK AITKEN ING CAMPOS +31.5  
8 MICK SCHUMACHER ALE PREMA +34.7  
9 NOBUHARU MATSUSHITA JAP CARLIN +37.3  
10 GUANYU ZHOU CHN UNI VIRTUOSI +41.1  
11 RALPH BOSCHUNG ITA TRIDENT +42.0  
12 GIULIANO ALESI FRA TRIDENT +47.7  
13 TATIANA CALDERÓN COL ARDEN +55.7  
14 CALLUM ILOTT ING CHAROUZ +56.2  
15 DORIAN BOCCOLACCI FRA CAMPOS +1:14.2  
16 JUAN MANUEL CORREA EUA CHAROUZ +1:24.9  
17 JORDAN KING ING MP +1:26.5  
18 MAHAVEER RAGHUNATHAN HOL MP +1:33.1  
19 NIKITA MAZEPIN RUS ART +1:37.5  
20 SEAN GELAEL INA PREMA +27 voltas NC