F2
26/08/2018 08:00

Latifi vence de ponta a ponta segunda prova da F2 em Spa-Francorchamps. Sette Câmara fecha em nono

Nicholas Latifi aproveitou a regra do grid invertido, largou na frente e na ponta seguiu da primeira à 18ª volta da corrida deste domingo na F2. Sergio Sette Câmara andou em oitavo na maior parte da prova, mas foi superado no fim por conta do desgaste dos pneus
Warm Up / FERNANDO SILVA, de Sumaré
 Nicholas Latifi dominou a corrida 2 da F2 em Spa-Francorchamps (Foto: FIA F2)


Nicholas Latifi venceu pela primeira vez na temporada 2018 da F2. Na manhã deste domingo (26), o canadense da Dams aproveitou a regra do grid invertido, largou na primeira posição e, com tranquilidade, manteve a ponta durante todas as 18 voltas da prova, fechando com mais de 10s de frente para o segundo colocado, Lando Norris, que reduziu bastante a diferença para George Russell na luta pelo título. Alexander Albon chegou a lutar com o britânico no fim, mas saiu da Bélgica com uma boa recuperação e o último degrau do pódio, colocando mais um carro da Dams no top-3.
 
Sergio Sette Câmara não teve uma jornada verdadeiramente fácil neste domingo. O brasileiro, que conquistou um lugar no pódio na corrida de sábado, largou em sétimo nesta manhã, mas chegou a cair para décimo nas primeiras curvas. Com o carro #18 da Carlin, Sergio conseguiu ganhar duas posições e andou em oitavo durante a maior parte da corrida, mas começou a se queixar da perda de performance dos pneus. Na última volta, perdeu a chance de marcar mais um ponto e foi ultrapassado pelo indiano Arjun Maini.
 
O grande nome da largada foi Nyck de Vries. O vencedor da corrida de sábado partiu da oitava posição no grid e, já na primeira curva, pulou para terceiro, ficando só atrás de Latifi e Luca Ghiotto. O holandês parecia ter tudo para marcar mais um pódio no fim de semana.
Nicholas Latifi comemora a vitória na corrida 2 da F2 em Spa-Francorchamps (Foto: FIA F2)
Mais atrás, Sette Câmara se recuperava depois de ultrapassar Maximilian Gunther e Roy Nissany para chegar à oitava posição. E na luta pelas primeiras colocações, Artem Markelov e Norris disputavam a quarta posição.
 
Na quinta volta, De Vries conseguia fazer a ultrapassagem sobre Ghiotto e conquistava a segunda posição no fim da reta Kemmel, com a ajuda do DRS. No mesmo trecho, segundos depois, Markelov não conseguiu segurar o ímpeto do protegido da McLaren e foi ultrapassado, caindo para quinto. 
 
Dois giros depois, Ghiotto perdeu a posição para Norris, que mostrava ter uma performance bem sólida com o carro da Carlin. O britânico ficava só atrás de Latifi, que nadava de braçada e já tinha boa vantagem, e De Vries, que parecia seguro na segunda colocação. O italiano, na volta 9, caiu mais duas colocações, sendo ultrapassado por Markelov e Albon.
 
Sette Câmara começava a se queixar do rendimento dos pneus para a equipe Carlin via rádio e já não conseguia se aproximar do sétimo colocado, George Russell. Em contrapartida, o mineiro passava a sofrer com a aproximação de Maini, que ainda lutava para chegar à zona de pontuação.
 
E os pneus, de fato, determinaram o rendimento da maioria dos pilotos ao fim da prova. Markelov foi ultrapassado por Albon, que passava a ser candidato ao pódio. Ao mesmo tempo, De Vries perdia muita performance e ficava sob a alça de mira de Norris. 
Sergio Sette Câmara ficou a uma posição de somar ponto neste domingo (Foto: FIA F2)
A última volta chegava com a certeza de que Latifi só tinha de administrar para vencer pela primeira vez. Mas De Vries não resistiu e foi ultrapassado, quase ao mesmo tempo, por Norris e Albon, que até tentou, em seguida, ganhar a posição do britânico. Nyck ainda teve a posição ameaçada por Markelov, mas conseguiu se segurar em quarto. Sette Câmara também lidou com as dificuldades com os pneus no fim e caiu de oitavo para décimo após perder as posições para Maini e Jack Aitken. No fim, o brasileiro ainda conseguiu salvar o nono lugar, mas não foi o bastante para somar pontos.
 
A classificação do campeonato agora aponta Russell com 188 pontos, apenas cinco a mais em relação a Norris. Albon segue na briga e em terceiro lugar, agora com 161. De Vries é o quarto, com 153 tentos, à frente de Markelov, com 128, e Sette Câmara fica em sexto, com 124.
 
A próxima rodada dupla da F2 acontece já no próximo fim de semana, entre 1º e 2 de setembro, em Monza, icônico circuito italiano.