No duelo dos reservas da F1, Gasly bate Vandoorne por 0s040 e crava pole-position da GP2 na etapa do Bahrein

Campeão por antecipação da temporada 2015 da GP2, Stoffel Vandoorne ficou perto, mas não conseguiu superar Pierre Gasly, que vai largar na pole-position da etapa do Bahrein. Único brasileiro do grid, André Negrão sai em 22º e antepenúltimo. A primeira corrida será disputada nesta sexta-feira

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Com o adiamento da etapa da Alemanha, a organização da GP2 alocou a disputa da rodada dupla para o terceiro fim de semana de novembro em Sakhir, no Bahrein, como evento que integra as 6 Horas do Bahrein, última etapa do Mundial de Endurance. A penúltima rodada da temporada 2015, já com seu campeão definido, Stoffel Vandoorne, teve seu treino classificatório disputado na tarde desta quinta-feira (19) e foi marcada pela disputa entre dois reservas de equipes da F1. No fim da sessão de meia hora, Pierre Gasly, piloto da Dams na GP2 e reserva da Red Bull na F1, bateu Vandoorne, suplente de Fernando Alonso e Jenson Button na McLaren. A diferença foi bastante apertada: 0s040 em favor do francês.
 
Cria da Ferrari, Raffaele Marciello vai largar em terceiro lugar e terá ao seu lado o britânico Alex Lynn, piloto de desenvolvimento da Williams. A diferença entre o pole Gasly e o quarto colocado foi bem reduzida: apenas 0s089. Jordan King completou o rol dos cinco primeiros. No grid formado por 24 carros, André Negrão, único brasileiro do grid, vai partir em antepenúltimo.”
 
Nesta sexta-feira, o GRANDE PRÊMIO vai publicar uma entrevista exclusiva com Stoffel Vandoorne. O belga, que esteve no Brasil pela primeira vez, falou sobre a temporada e o domínio imposto na GP2, o trabalho ao lado de Alonso e Button na McLaren, suas perspectivas a respeito do futuro na equipe inglesa e os planos para 2016, além dos atentados em Paris no último fim de semana.
Pierre Gasly garantiu a pole-position de etapa do Bahrein da GP2 neste fim de semana (Foto: GP2)
Saiba como foi o treino classificatório da GP2 no Bahrein:
 
Com 24 carros na pista em Sakhir e um brasileiro, André Negrão, começava o treino classificatório da atípica etapa do Bahrein, que começou nesta quinta-feira. Todos tiveram pela frente uma sessão de meia hora. Os termômetros marcavam 32,7ºC de temperatura ambiente e 27,2ºC de temperatura da pista. 
 
Alexander Rossi, que no último fim de semana em Interlagos disputou sua última prova na temporada da F1, abriu o fim de semana como líder do único treino livre no Bahrein e foi o primeiro piloto a andar abaixo de 2min em Sakhir. Mas logo a pole provisória passou a ter novo dono: o veterano da GP2 Nathanaël Berthon, que marcou 1min57s565. Mas, obviamente, eram tempos muito altos, já que os pilotos ainda estavam em voltas de instalação.
 
Os tempos ‘pra valer’ vieram pouco depois, quando Pierre Gasly se destacou ao marcar 1min40s339 e subir para a ponta da tabela, seguido de perto pelo campeão antecipado, Stoffel Vandoorne, e Alex Lynn. Mas Jordan King, companheiro de equipe de Rossi na Racing Engineering, passou os rivais e se colocou na liderança com 0s182 de frente para Gasly.
 
Com dez minutos de sessão, a ordem do grid era formada por King, Gasly, Vandoorne, Lynn e Matsushita, companheiro de Stoffel na ART, equipe parceira da McLaren Honda na GP2. André Negrão, de saída da Arden, vinha apenas em 16º.
 
Mas no segundo stint, Vandoorne fez valer a melhor forma na GP2. Com ótimo desempenho, o belga foi o primeiro a romper a barreira de 1min40s e assumiu a pole provisória. Gasly chegou a bater King, mas o britânico conseguiu retomar a segunda posição em seguida e ficou a apenas 0s069 do tempo do campeão antecipado da GP2. Aí Norman Nato surpreendeu e veio de trás para anotar a segunda marca, apenas 0s047 mais lenta em relação a Vandoorne.
 
Depois de algum tempo nos boxes, as equipes mandaram seus pilotos de volta à pista para as tentativas finais de voltas rápidas no Bahrein. 
 
Assim, Rossi saiu do pelotão intermediário e pulou para o provisório quinto lugar no grid. Mas muitos pilotos ainda tinham pela frente as voltas derradeiras, de modo que a ordem do grid ainda poderia mudar de forma considerável.
 
E foi o que aconteceu quando Raffaele Marciello cravou 1min39s648 e pulou para a ponta. Mas o italiano, cria da Academia da Ferrari, não ficou muito tempo com o #1 e logo foi superado. Primeiro, por Gasly, que assumiu a pole provisória. Vandoorne bem que tentou e, em sua primeira tentativa no segundo stint, ficou a 0s040 do tempo do piloto francês da Dams e reserva da Red Bull.
 
Vandoorne ainda buscou uma última volta rápida, mas não conseguiu superar o francês. Assim, o piloto da Dams vai largar na pole e terá ao seu lado o reserva da McLaren na primeira fila. Logo atrás, Marciello e Alex Lynn dividem a segunda fila, com Jordan King e Norman Nato completando os seis primeiros. Mitch Evans parte em sétimo, logo à frente de Nobuharu Matsushita. Alexander Rossi, que busca o vice-campeonato, e Arthur Pic, completam o rol dos dez primeiros. André Negrão parte apenas em 22º.

GP2, Bahrein, circuito de Sakhir, corrida 1, grid de largada:

1 PIERRE GASLY FRA DAMS 1:39.572   11
2 STOFFEL VANDOORNE BEL ART 1:39.612 +0.040 11
3 RAFFAELE MARCIELLO ITA TRIDENT 1:39.848 +0.276 12
4 ALEX LYNN ING DAMS 1:39.661 +0.089 11
5 JORDAN KING ING RACING ENGINEERING 1:39.902 +0.330 11
6 NORMAN NATO AUT ARDEN 1:40.004 +0.432 11
7 MITCH EVANS NZL RUSSIAN TIME 1:40.027 +0.455 11
8 NOBUHARU MATSUSHITA JAP ART 1:40.079 +0.507 12
9 ALEXANDER ROSSI EUA RACING ENGINEERING 1:40.141 +0.569 11
10 ARTHUR PIC FRA CAMPOS 1:40.176 +0.604 11
11 RIO HARYANTO INA CAMPOS 1:40.212 +0.640 12
12 ARTEM MARKELOV RUS RUSSIAN TIME 1:40.354 +0.782 11
13 RENE BINDER ING MP 1:40.367 +0.795 11
14 SERGEY SIROTKIN RUS RAPAX 1:40.539 +0.967 10
15 NATHANAËL BERTHON FRA LAZARUS 1:40.571 +0.999 11
16 SERGIO CANAMASAS ESP LAZARUS 1:40.588 +1.016 12
17 MARLON STÖKINGER SUI STATUS 1:40.650 +1.078 11
18 OLIVER ROWLAND ING STATUS 1:40.720 +1.148 10
19 DEAN STONEMAN ING CARLIN 1:41.106 +1.534 11
20 NICOLAS LATIFI CAN MP 1:41.145 +1.573 11
21 DANIEL DE JONG HOL TRIDENT 1:41.208 +1.636 12
22 ANDRÉ NEGRÃO BRA ARDEN 1:41.432 +1.860 11
23 GUSTAV MALJA SUE RAPAX 1:41.775 +2.203 11
24 SAM GELAEL INA CARLIN 1:42.840 +3.268 11
 

(function(d, s, id) { var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0]; if (d.getElementById(id)) return; js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = “//connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.3”; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Lembram-se daquele carro conceito de 2017 que a Ferrari fez no começo do ano? Pois o pessoal da Asseto Corsa trabalhou…

Posted by Grande Prêmio on Quarta, 18 de novembro de 2015

PADDOCK GP EDIÇÃO #7: ASSISTA JÁ

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)<0?n+="px":n,cc.style.display="",s2.width=n,window.frameElement&&(s1.height=c2.offsetHeight+5+"px"),t=500,s1.width="100%"}rs(t)},200)}var c1=window.frameElement?window.frameElement:document.getElementById("crt_ftr"),c2=document.getElementById("crt_ftr"),s1=c1.style;s1.position="fixed",s1.bottom="-4px",s1.left="0px",window.frameElement&&(s1.height="0"),c2.style.textAlign="center",s1.zIndex="60000";var cc=document.getElementById("crt_cls"),s2=cc.parentNode.style;cc.onclick=function(){s1.display="none"};var t=0;rs(0);

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth < 970) ? 302357 : 302359;
document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube