Rowland acerta estratégia de pneus, vence corrida 1 da F2 em Abu Dhabi e encaminha vice-campeonato

Oliver Rowland combinou a estratégia certa com ultrapassagens certeiras e cruzou a linha de chegada em primeiro. Artem Markelov cruzou a linha de chegada em segundo, enquanto Antonio Fuoco superou Charles Leclerc para ir ao pódio

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Em uma prova que teve o protagonismo da estratégia de pneus, Oliver Rowland conseguiu cruzar a linha de chegada em primeiro neste sábado (25). Depois de completar as primeiras voltas da corrida 1 da F2 em terceiro, o britânico combinou um pit na hora certa com ultrapassagens certeiras e levou a melhor em Abu Dhabi.
 
Rowland largou com supermacios, assim como Artem Markelov, líder nas primeiras voltas. O russo acabou se firmando como a principal ameaça do britânico, sendo ultrapassado na pista duas voltas após o pit obrigatório.
 
Depois disso, Rowland começou a se preocupar com aqueles que fizeram a estratégia oposta – largar com macios e terminar com supermacios. Charles Leclerc, já campeão da F2, ponteava esse grupo. O monegasco saiu dos boxes muito atrás de Rowland, mas com a vantagem da borracha mais aderente. Deu para encaixar voltas muito boas, mas o desgaste acentuado no fim impediu uma briga pela vitória.
_J6I1929

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Rowland encaminhou o triunfo, enquanto Rowland foi o segundo. Quem fechou o pódio foi Antonio Fuoco, que passou o companheiro Leclerc na última volta. A zona de pontos ainda contou com Luca Ghiotto, Nyck de Vries, Nicholas Latifi, Nobuharu Matsushita, Alexander Albon e Jordan King. Sérgio Sette Câmara, único brasileiro no campeonato, terminou em 11º e não pontuou.
 
O resultado da primeira corrida do fim de semana praticamente confirma o vice-campeonato de Rowland. O piloto da DAMS abriu 15 pontos sobre Markelov, único que pode roubar a posição. Com apenas 17 pontos em jogo na última prova do ano, apenas uma combinação improvável de resultados parece capaz de causar uma virada.
 

GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL todas as atividades de pista do GP de Abu Dhabi de F1 por meio do novo livetiming e gráfico virtual.

“CHORAVA COMO UM BEBÊ”

FÉLIX DA COSTA REVELA TRISTEZA APÓS PERDER CHANCE NA F1

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube