carregando
F2

Sette Câmara exalta superlicença, mas diz: “Preciso saber aproveitar”

Sergio Sette Câmara é mais um piloto que conseguiu alcançar a superlicença. Após ter atingido os 40 pontos necessários, vai poder participar de GPs de Fórmula 1, mas destacou que é algo que vai precisar saber usar a seu favor

Grande Prêmio / NATHALIA DE VIVO, de São Paulo
Sergio Sette Câmara é mais um dos pilotos que conseguiu pontos suficientes para obter a superlicença. O brasileiro comemorou ter alcançado o grande objetivo, mas destacou que agora é importante saber usar da melhor forma.
 
Em 2019, o competidor disputou sua terceira temporada completa na Fórmula 2. Com oito pódios e duas vitórias, terminou a classificação como o quarto colocado, conseguindo somar os 40 pontos necessários para ter a superlicença.
Sérgio Sette Câmara (Foto: FIA Fórmula 2)
Ao avaliar a tão importante conquista, o mineiro apontou a grandeza do fato, mas destacou que é necessário saber aproveitar a seu favor. “É um ponto positivo, não tem muitos pilotos com a superlicença”, disse ao GRANDE PRÊMIO.
 
“Estou com 21 anos, ainda sou jovem e é um ponto positivo. Agora, preciso saber aproveitar isso daí, estou com a superlicença, mas tem todo um trabalho que tem que ser feito para realmente usar”, seguiu.
 
“Afinal de contas, a superlicença, se não for correr de Fórmula 1, não serve para nada”, concluiu.
 
Paddockast #46
OS 10 MELHORES PILOTOS DA DÉCADA


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.