Ticktum perde treino após teste inconclusivo para Covid-19 e vira dúvida em Spa

Dan Ticktum foi barrado da sessão de treino livre da Fórmula 2 após o teste para Covid-19 ser inconclusivo. O piloto da DAMS, equipe que já corre desfalcada do titular Sean Gelael, agora aguarda a contraprova

Após um teste inconclusivo de Covid-19, Dan Ticktum perdeu o treino livre da Fórmula 2 em Spa-Francorchamps, na Bélgica, nesta sexta-feira (28).

O britânico ausentou-se da sessão de 45 minutos, deixando a DAMS apenas com Jüri Vips na pista. A Fórmula 2, em breve comunicado, confirmou a situação do piloto.

“Devido a um teste inconclusivo de Covid-19, o piloto Dan Ticktum, da DAMS, não fará parte do treino livre de hoje enquanto aguarda o resultado da contraprova”, disse a nota.

DAN TICKTUM; F2; SILVERSTONE; VITÓRIA; CORRIDA 2;
Dan Ticktum comemora vitória em Silverstone. Britânico é atualmente o décimo no campeonato (Foto: Dutch Photo/Dams)

Ticktum é o segundo piloto a ter um teste inconclusivo antes de uma etapa. O primeiro foi Sergio Pérez, da Fórmula 1, antes do GP da Inglaterra. O mexicano refez o teste e teve resultado positivo, perdendo as duas corridas da categoria em Silverstone.

Todos os integrantes de equipes da Fórmula 1, Fórmula 2, Fórmula 3 e Porsche Supercup são testados a cada cinco dias, respeitando os protocolos sanitários da FIA para eventos durante a pandemia de Covid-19.

A situação também é complicada para DAMS. A equipe perdeu Sean Gelael, o outro piloto titular, por seis semanas após a fratura de uma vértebra durante um acidente no GP da Espanha. Jüri Vips foi chamado para substituir o indonésio.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube