Campeão brasileiro de kart, Di Mauro estreia na F3 Sul-americana por bagagem para correr na Europa

O jovem piloto de apenas 15 anos de idade afirmou que quando teve a oportunidade de estrear na F3 Sul-americana, acabou aceitando o convite na hora. A expectativa, agora, é fazer todas as provas da temporada

Gaetano di Mauro (Foto: Felipe Tesser / Grande Prêmio )

Campeão brasileiro de kart no ano passado, na categoria Shifter Graduado – o kart com marchas –, Gaetano Di Mauro começou 2013 com um novo desafio: começar a transição para os monopostos. Enquanto muitos pilotos preferem já iniciar a carreira na Europa, o paulista optou por correr na F3 Sul-americana, cuja primeira etapa acontece neste fim de semana, no autódromo de Interlagos.

Competindo em um dos três carros da equipe RR, Di Mauro explicou que a escolha pela F3 foi para ter uma maior bagagem quando for competir fora do Brasil. “Eu tive a oportunidade de conhecer os monopostos e quando fiquei sabendo que podia andar de F3 eu falei ‘claro, aceito na hora’, porque é um carro show, anda muito bem e é um grande aprendizado, a base de tudo”, declarou em entrevista exclusiva ao Grande Prêmio.

“Pensar em ir para a Europa, eu penso, mas acho que tenho que trabalhar aqui mais um pouquinho, aprender mais e ficar mais maduro. Eu prefiro aprender um pouco mais, conhecer mais o carro, conhecer o acerto e chegar lá para mostrar resultado, que é o que precisa”, acrescentou.

Assim, antes de ir morar em outro continente, o garoto de apenas 15 anos de idade começa a aprender as primeiras lições no automobilismo. A mais importante até agora, segundo o próprio piloto, é como controlar o carro na hora de tangenciar uma curva, uma prática bastante diferente de como é feito no kart.

Gaetano di Mauro competindo pela RR (Foto: Felipe Tesser / Grande Prêmio )

“Eu fui me acostumando com a transferência de peso. A diferença é que no kart dá para virar o volante rápido nas curvas, porque, como ele não tem suspensão, então a transferência de peso é direta. Aqui você tem que passar o peso para a suspensão, esperar ela abaixar e fazer a curva, então a tocada precisa ser um pouquinho mais tranquila”, disse.

Para continuar esse processo de aprendizagem, Di Mauro já avisou que planeja competir em todas as etapas da F3 em 2013. “Ainda não está tudo confirmado, mas tem uma expectativa grande de fazer as outras corridas, e espero que dê tudo certo”, disse. “Quero fazer todos os campeonatos de kart na categoria Shifter, pela Techspeed, e fazer o campeonato inteiro nos monopostos aqui na F3, que é uma bagagem para tudo o que eu for andar”, completou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube